Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Rapidinhas
Moringa nas escolas

Sexta, 14/9/2018 13:50.

Publicidade

Os engenheiros agrônomos e pesquisadores da Epagri, Alessandro Borini Lone e Marcos Lima Campos do Vale apresentaram o Projeto de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva de Plantas Bioativas, com foco na planta Moringa, nesta quinta-feira (13), no auditório do Espaço da Família, antigo CTC, na Rua Itália, 1049.

O objetivo é dinamizar a o cultivo, a colheita, a reprodução e a utilização de várias formas da moringa, planta de origem africana adaptada para o Brasil na década de 50 e que agora começa a ganhar espaço, porque tem grande potencial nutritivo, fornecendo nutrientes como cálcio, ferro, proteína e selênio, além de ajudar a regular o açúcar no sangue.

A secretária da Inclusão Social, Christina Barichello disse que a ideia é formar multiplicadores e desta forma trabalhar com a moringa nas escolas, nos hospitais e até transformá-la em fonte de renda para pequenos agricultores.

Informações: Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social (47) 3367-8345


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Moringa nas escolas

Publicidade

Sexta, 14/9/2018 13:50.

Os engenheiros agrônomos e pesquisadores da Epagri, Alessandro Borini Lone e Marcos Lima Campos do Vale apresentaram o Projeto de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva de Plantas Bioativas, com foco na planta Moringa, nesta quinta-feira (13), no auditório do Espaço da Família, antigo CTC, na Rua Itália, 1049.

O objetivo é dinamizar a o cultivo, a colheita, a reprodução e a utilização de várias formas da moringa, planta de origem africana adaptada para o Brasil na década de 50 e que agora começa a ganhar espaço, porque tem grande potencial nutritivo, fornecendo nutrientes como cálcio, ferro, proteína e selênio, além de ajudar a regular o açúcar no sangue.

A secretária da Inclusão Social, Christina Barichello disse que a ideia é formar multiplicadores e desta forma trabalhar com a moringa nas escolas, nos hospitais e até transformá-la em fonte de renda para pequenos agricultores.

Informações: Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social (47) 3367-8345


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade