Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Experientes, cães de SC já acharam três corpos em Brumadinho

Segunda, 4/2/2019 12:27.

ESTELITA HASS CARAZZAI
CURITIBA, PR (FOLHAPRESS) - Cedidos para o resgate de vítimas na tragédia da Vale, cães farejadores treinados pelo Corpo de Bombeiros de Santa Catarina já encontraram três corpos em quatro dias de trabalho em Brumadinho (MG).

Os cães, da raça labrador, são treinados desde a terceira semana de vida, e têm experiência em buscas na lama: Santa Catarina é um dos estados brasileiros com maior número de deslizamentos, que já vitimaram centenas de pessoas no passado.

O estado foi acionado a pedido do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, e é considerado referência internacional em cinotecnia (busca com cães).

Os quatro animais -Hunter, Bravo, Iron e Chewbacca- estão em Minas Gerais desde a última quinta-feira (31). Eles estão acompanhados de um tutor, bombeiro que é responsável pelo seu treinamento desde o início. Os cães moram nas casas desses bombeiros, que atuam em batalhões por todo o estado.

O treinamento dura de um a dois anos, e é reconhecido por certificação da IRO (Internacional Rescue Dog Organization). Os labradores atuam em buscas ativas até os oito anos de idade. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Experientes, cães de SC já acharam três corpos em Brumadinho

Publicidade

Segunda, 4/2/2019 12:27.

ESTELITA HASS CARAZZAI
CURITIBA, PR (FOLHAPRESS) - Cedidos para o resgate de vítimas na tragédia da Vale, cães farejadores treinados pelo Corpo de Bombeiros de Santa Catarina já encontraram três corpos em quatro dias de trabalho em Brumadinho (MG).

Os cães, da raça labrador, são treinados desde a terceira semana de vida, e têm experiência em buscas na lama: Santa Catarina é um dos estados brasileiros com maior número de deslizamentos, que já vitimaram centenas de pessoas no passado.

O estado foi acionado a pedido do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, e é considerado referência internacional em cinotecnia (busca com cães).

Os quatro animais -Hunter, Bravo, Iron e Chewbacca- estão em Minas Gerais desde a última quinta-feira (31). Eles estão acompanhados de um tutor, bombeiro que é responsável pelo seu treinamento desde o início. Os cães moram nas casas desses bombeiros, que atuam em batalhões por todo o estado.

O treinamento dura de um a dois anos, e é reconhecido por certificação da IRO (Internacional Rescue Dog Organization). Os labradores atuam em buscas ativas até os oito anos de idade. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade