Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

São Joaquim tornou-se a Capital Nacional da Maçã

Quinta, 10/1/2019 10:52.

Na semana passada o presidente Jair Bolsonaro sancionou uma lei que reconhece São Joaquim como a Capital Nacional da Maçã. Santa Catarina é o maior produtor da fruta do Brasil e boa parte da produção está concentrada em São Joaquim.

O projeto para conceder o título de Capital Nacional da Maçã foi proposto em 2012 pelo deputado federal Ronaldo Benedet.

A maçã é um dos destaques do agronegócio catarinense. O estado conta com 2.992 produtores (grande parte da agricultura familiar). 75% da safra esperada serão produzidos em São Joaquim. O município é hoje responsável por 35% da produção e da área plantada do Brasil.

A produção de maçã em São Joaquim iniciou na década de 70 e a fruta se adaptou perfeitamente ao clima da região.

“Mesmo num país tropical, São Joaquim tem uma condição climática diferenciada. Temos um inverno rigoroso e verões amenos, com noites frias. Isso garante frutas mais doces, com melhor coloração, mais sabor e um período maior de conservação”, explica o gerente de Extensão Rural da Epagri de São Joaquim, Marcelo de Liz.

 

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade

Seria um negócio imobiliário bastante vantajoso. Cidade continuará recebendo navios de cruzeiro.


Cidade

“Tem que ver se não é um problema de gestão deles”, dispara referindo-se aos hoteleiros  


Opinião


Opinião

"Não tente enrolar um brasileiro divulgando uma coisa e entregando outra" 


Publicidade


Publicidade


Cidade

Balneário Camboriú adotará entrega voluntária em ponto da prefeitura  


Divulgação

Excelente opção para os micro empreendedores, pequenas empresas e freelancers.


Geral

Até embarcações de pequeno porte levantam areia, depende das condições 


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

São Joaquim tornou-se a Capital Nacional da Maçã

Quinta, 10/1/2019 10:52.

Na semana passada o presidente Jair Bolsonaro sancionou uma lei que reconhece São Joaquim como a Capital Nacional da Maçã. Santa Catarina é o maior produtor da fruta do Brasil e boa parte da produção está concentrada em São Joaquim.

O projeto para conceder o título de Capital Nacional da Maçã foi proposto em 2012 pelo deputado federal Ronaldo Benedet.

A maçã é um dos destaques do agronegócio catarinense. O estado conta com 2.992 produtores (grande parte da agricultura familiar). 75% da safra esperada serão produzidos em São Joaquim. O município é hoje responsável por 35% da produção e da área plantada do Brasil.

A produção de maçã em São Joaquim iniciou na década de 70 e a fruta se adaptou perfeitamente ao clima da região.

“Mesmo num país tropical, São Joaquim tem uma condição climática diferenciada. Temos um inverno rigoroso e verões amenos, com noites frias. Isso garante frutas mais doces, com melhor coloração, mais sabor e um período maior de conservação”, explica o gerente de Extensão Rural da Epagri de São Joaquim, Marcelo de Liz.

 

 

Publicidade

Publicidade