Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Pátio de veículos é interditado pela Vigilância Sanitária de Camboriú

Sexta, 11/1/2019 9:26.

A Prefeitura de Camboriú informou que o departamento de Vigilância Sanitária da cidade, em parceria com a Polícia Militar e a Fundação do Meio Ambiente (Fucam), interditou um pátio de automóveis na tarde desta quinta-feira, dia 10.

O estabelecimento, que recebe todos os veículos apreenidos na região, situado no bairro Taboleiro, não possuía alvará sanitário e certificação de controle de pragas, além de apresentar focos reincidentes do mosquito Aedes aegypti – transmissor da Dengue, da febre Chikungunya e do Zika Vírus.

Segundo a assessoria da prefeitura, o pátio de automóveis também estava em desacordo com outras normas sanitárias.

O estabelecimento não possuía refeitório, para alimentação dos funcionários; os banheiros estavam insalubres; e 60% do espaço físico deveria estar coberto, o que evitaria o acúmulo de água parada em depósitos e sucatas.

A diretora de Vigilância em Saúde do município, Josiane Farias, explica que, nos últimos meses, o proprietário do estabelecimento já havia recebido autos de infração das Vigilâncias Sanitárias municipal e estadual, do Programa de Combate à Dengue e da Fucam.

“Nosso objetivo com essa interdição não é prejudicar o proprietário. Queremos reforçar a prevenção da saúde pública, já que esta região sofre com o número de focos do Aedes aegypti. Que tal medida sirva como exemplo para outros estabelecimentos”.

O pátio em questão é o que recebe os veículos apreendidos em operações policiais. Conforme informações da Polícia Militar, os veículos apreendidos serão encaminhados provisoriamente para um terreno alugado, ao lado do pátio.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Pátio de veículos é interditado pela Vigilância Sanitária de Camboriú

Publicidade

Sexta, 11/1/2019 9:26.

A Prefeitura de Camboriú informou que o departamento de Vigilância Sanitária da cidade, em parceria com a Polícia Militar e a Fundação do Meio Ambiente (Fucam), interditou um pátio de automóveis na tarde desta quinta-feira, dia 10.

O estabelecimento, que recebe todos os veículos apreenidos na região, situado no bairro Taboleiro, não possuía alvará sanitário e certificação de controle de pragas, além de apresentar focos reincidentes do mosquito Aedes aegypti – transmissor da Dengue, da febre Chikungunya e do Zika Vírus.

Segundo a assessoria da prefeitura, o pátio de automóveis também estava em desacordo com outras normas sanitárias.

O estabelecimento não possuía refeitório, para alimentação dos funcionários; os banheiros estavam insalubres; e 60% do espaço físico deveria estar coberto, o que evitaria o acúmulo de água parada em depósitos e sucatas.

A diretora de Vigilância em Saúde do município, Josiane Farias, explica que, nos últimos meses, o proprietário do estabelecimento já havia recebido autos de infração das Vigilâncias Sanitárias municipal e estadual, do Programa de Combate à Dengue e da Fucam.

“Nosso objetivo com essa interdição não é prejudicar o proprietário. Queremos reforçar a prevenção da saúde pública, já que esta região sofre com o número de focos do Aedes aegypti. Que tal medida sirva como exemplo para outros estabelecimentos”.

O pátio em questão é o que recebe os veículos apreendidos em operações policiais. Conforme informações da Polícia Militar, os veículos apreendidos serão encaminhados provisoriamente para um terreno alugado, ao lado do pátio.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade