Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Saúde
Lar dos Idosos não tem nenhum caso de Covid-19

Idosos de Balneário Camboriú seguem em isolamento social

Sexta, 15/5/2020 12:07.
Divulgação/SPI
Todos os idosos no asilo foram testados

Publicidade

Desde o dia 18 de março, a Secretaria da Pessoa Idosa (SPI) de Balneário Camboriú vem desenvolvendo ações virtuais para entreter os idosos que a frequentavam diariamente como forma de incentivar o isolamento social, que até o momento segue sem prazo para terminar.

Os 42 idosos que residem na Associação São Vicente de Paula, Lar dos Idosos de Balneário, também seguem isolados e sem receber visitas externas. Não houve nenhum caso de Covid-19 na instituição.

Lar dos Idosos – Associação São Vicente de Paula

A Associação São Vicente de Paula, o Lar dos Idosos que fica no Bairro dos Municípios vem recebendo atenção especial neste período de pandemia. Como medida preventiva, o Lar adotou dentre outras ações a vídeo-chamada como forma de ‘visita’ entre os 42 idosos residentes e seus familiares, devido ao risco de contaminação.


O secretário da Pessoa Idosa, Paulo César Senk Junior explicou que desde antes mesmo do início do alerta de pandemia no Estado já estavam tomando medidas de precaução para com os idosos que lá residem, visto que idosos institucionalizados possuem um risco ainda maior frente ao Coronavírus.

“Desenvolvemos um plano de contingência e enfrentamento e estamos aplicando com rigidez todas as ações. Já realizamos o teste em todos os idosos e funcionários do Lar e com a graça de Deus estão todos bem! O Ministério Público e demais órgãos fiscalizadores constantemente estão acompanhando as ações desenvolvidas no Lar”, diz.

Sanitização nos arredores do lar dos velhinhos

Por precaução, em parceria com a Secretaria do Meio Ambiente, também foi realizada sanitização externa e interna do Lar dos Idosos.

Secretaria da Pessoa Idosa

SPI movimenta idosos com exercícios virtuais

O secretário explica que estão em contato com os idosos desde o início da pandemia, através das redes sociais. Por exemplo, foi criado um grupo no WhatsApp com mais de 680 pessoas, além do auxílio através da rede de voluntários que segue ativa para compra de alimentos e remédios para idosos que precisam. Também foi coordenada a campanha de vacinação contra a H1N1.

“Fazemos lives através de nosso Facebook (clique aqui), com atividades esportivas junto da Fundação Municipal de Esporte, como alongamento, onde participam diariamente cerca de 150 idosos, além de workshops, como o desta sexta-feira com a personal organizer Ju Miranda; acompanhamento psicológico toda quinta-feira, com uma participação média de 80 idosos. E nesta semana, através de uma parceria com a escola de idiomas Get It estamos ofertando um curso virtual e ao vivo de Inglês com duração de dois meses via plataforma digital ministrado pelos professores da empresa. Até quinta-feira (14) 23 idosos se cadastraram”, conta.

O secretário destaca que, apesar dos idosos que frequentavam a SPI estarem angustiados por estarem tanto tempo isolados socialmente, eles seguem cumprindo a quarentena.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação/SPI
Todos os idosos no asilo foram testados
Todos os idosos no asilo foram testados

Lar dos Idosos não tem nenhum caso de Covid-19

Idosos de Balneário Camboriú seguem em isolamento social

Publicidade

Sexta, 15/5/2020 12:07.

Desde o dia 18 de março, a Secretaria da Pessoa Idosa (SPI) de Balneário Camboriú vem desenvolvendo ações virtuais para entreter os idosos que a frequentavam diariamente como forma de incentivar o isolamento social, que até o momento segue sem prazo para terminar.

Os 42 idosos que residem na Associação São Vicente de Paula, Lar dos Idosos de Balneário, também seguem isolados e sem receber visitas externas. Não houve nenhum caso de Covid-19 na instituição.

Lar dos Idosos – Associação São Vicente de Paula

A Associação São Vicente de Paula, o Lar dos Idosos que fica no Bairro dos Municípios vem recebendo atenção especial neste período de pandemia. Como medida preventiva, o Lar adotou dentre outras ações a vídeo-chamada como forma de ‘visita’ entre os 42 idosos residentes e seus familiares, devido ao risco de contaminação.


O secretário da Pessoa Idosa, Paulo César Senk Junior explicou que desde antes mesmo do início do alerta de pandemia no Estado já estavam tomando medidas de precaução para com os idosos que lá residem, visto que idosos institucionalizados possuem um risco ainda maior frente ao Coronavírus.

“Desenvolvemos um plano de contingência e enfrentamento e estamos aplicando com rigidez todas as ações. Já realizamos o teste em todos os idosos e funcionários do Lar e com a graça de Deus estão todos bem! O Ministério Público e demais órgãos fiscalizadores constantemente estão acompanhando as ações desenvolvidas no Lar”, diz.

Sanitização nos arredores do lar dos velhinhos

Por precaução, em parceria com a Secretaria do Meio Ambiente, também foi realizada sanitização externa e interna do Lar dos Idosos.

Secretaria da Pessoa Idosa

SPI movimenta idosos com exercícios virtuais

O secretário explica que estão em contato com os idosos desde o início da pandemia, através das redes sociais. Por exemplo, foi criado um grupo no WhatsApp com mais de 680 pessoas, além do auxílio através da rede de voluntários que segue ativa para compra de alimentos e remédios para idosos que precisam. Também foi coordenada a campanha de vacinação contra a H1N1.

“Fazemos lives através de nosso Facebook (clique aqui), com atividades esportivas junto da Fundação Municipal de Esporte, como alongamento, onde participam diariamente cerca de 150 idosos, além de workshops, como o desta sexta-feira com a personal organizer Ju Miranda; acompanhamento psicológico toda quinta-feira, com uma participação média de 80 idosos. E nesta semana, através de uma parceria com a escola de idiomas Get It estamos ofertando um curso virtual e ao vivo de Inglês com duração de dois meses via plataforma digital ministrado pelos professores da empresa. Até quinta-feira (14) 23 idosos se cadastraram”, conta.

O secretário destaca que, apesar dos idosos que frequentavam a SPI estarem angustiados por estarem tanto tempo isolados socialmente, eles seguem cumprindo a quarentena.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade