Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Saúde
AMA Litoral retorna atendimento presencial para uma centena de crianças e jovens

Quinta, 15/10/2020 7:56.

Publicidade

Live Solidária pede ajuda para manter a instituição

Artistas da região de Balneário Camboriú estarão participando da Live Solidária que a Associação de Pais e Amigos do Autista (AMA Litoral SC) realiza no próximo dia 20, para angariar fundos que possam ser investidos na manutenção da instituição, principalmente na realização dos projetos.

A coordenadora e uma das fundadoras da AMA, Cátia Franzoi informou que na próxima semana, dia 22, retornam as atividades presenciais. São 104 crianças e jovens que recebem atendimento.

“Estamos em busca de angariar recursos para conseguir manter a instituição, estamos com sérias dificuldades em relação a esse momento da pandemia, porque não conseguimos fazer eventos”, disse Cátia.

Do início da pandemia até 8 de abril, os pacientes receberam atendimento remoto. Depois iniciaram as reavaliações de pacientes que estavam na lista de espera, o que resultou em 40 novas matrículas.

“Com estes novos alcançamos hoje 104 pacientes. Eles estavam recebendo atendimento quinzenal alternado, pela plataforma e presencial, para dar continuidade no tratamento. Os pais foram nossos coterapeutas. A partir do dia 22 iniciaremos com atendimento semanal, voltamos com as atividades presenciais normais, mas ainda sem realizar projetos em grupo. Os atendimentos continuam clínicos mas individuais”, detalhou Cátia.

Projetos como o ‘Comer e Aprender’, ‘A Hora do Encontro’, entre outros, estão cancelados até o retorno das atividades em grupo.

A AMA Litoral tem cinco convênios junto ao município de Balneário Camboriú, através do Conselho de Assistência Social, do Fundo Municipal de Saúde, do Fundo Municipal da Fundação de Esportes, da Secretaria de Educação e do Conselho da Criança e do Adolescente.

“Esses convênios pagam 23 profissionais que atuam na instituição, nas áreas clínica, educacional e administrativa.

Também realizamos um trabalho do psicosocial, trabalhando a reorganização familiar, para que pais e familiares dêem conta das atividades em casa, para conseguirmos dar continuidade ao tratamento e no andamento da evolução das crianças e dos jovens. As famílias também estão recebendo atendimento presencial na instituição. A partir do dia 22 iniciaremos os atendimentos em grupos (para famílias), porém com capacidade reduzida em 50%”, segue a coordenadora.

Durante o ano eram realizados vários eventos sociais, entre eles um pedágio, para ajudar a manter as despesas. Só que desde março todos estão cancelados.

A expectativa da direção é a Live Solidária suprir a falta de eventos.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3

AMA Litoral retorna atendimento presencial para uma centena de crianças e jovens

Publicidade

Quinta, 15/10/2020 7:56.

Live Solidária pede ajuda para manter a instituição

Artistas da região de Balneário Camboriú estarão participando da Live Solidária que a Associação de Pais e Amigos do Autista (AMA Litoral SC) realiza no próximo dia 20, para angariar fundos que possam ser investidos na manutenção da instituição, principalmente na realização dos projetos.

A coordenadora e uma das fundadoras da AMA, Cátia Franzoi informou que na próxima semana, dia 22, retornam as atividades presenciais. São 104 crianças e jovens que recebem atendimento.

“Estamos em busca de angariar recursos para conseguir manter a instituição, estamos com sérias dificuldades em relação a esse momento da pandemia, porque não conseguimos fazer eventos”, disse Cátia.

Do início da pandemia até 8 de abril, os pacientes receberam atendimento remoto. Depois iniciaram as reavaliações de pacientes que estavam na lista de espera, o que resultou em 40 novas matrículas.

“Com estes novos alcançamos hoje 104 pacientes. Eles estavam recebendo atendimento quinzenal alternado, pela plataforma e presencial, para dar continuidade no tratamento. Os pais foram nossos coterapeutas. A partir do dia 22 iniciaremos com atendimento semanal, voltamos com as atividades presenciais normais, mas ainda sem realizar projetos em grupo. Os atendimentos continuam clínicos mas individuais”, detalhou Cátia.

Projetos como o ‘Comer e Aprender’, ‘A Hora do Encontro’, entre outros, estão cancelados até o retorno das atividades em grupo.

A AMA Litoral tem cinco convênios junto ao município de Balneário Camboriú, através do Conselho de Assistência Social, do Fundo Municipal de Saúde, do Fundo Municipal da Fundação de Esportes, da Secretaria de Educação e do Conselho da Criança e do Adolescente.

“Esses convênios pagam 23 profissionais que atuam na instituição, nas áreas clínica, educacional e administrativa.

Também realizamos um trabalho do psicosocial, trabalhando a reorganização familiar, para que pais e familiares dêem conta das atividades em casa, para conseguirmos dar continuidade ao tratamento e no andamento da evolução das crianças e dos jovens. As famílias também estão recebendo atendimento presencial na instituição. A partir do dia 22 iniciaremos os atendimentos em grupos (para famílias), porém com capacidade reduzida em 50%”, segue a coordenadora.

Durante o ano eram realizados vários eventos sociais, entre eles um pedágio, para ajudar a manter as despesas. Só que desde março todos estão cancelados.

A expectativa da direção é a Live Solidária suprir a falta de eventos.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade