Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Tecnologia
Concluídos os processos de segurança dos portais do Página 3

Saiba como indentiticar quando um portal é inseguro

Sexta, 17/11/2017 15:31.
Reprodução.

Publicidade

Há algumas semanas o Página 3 desenvolve esforços para adequar seus portais de internet aos padrões de segurança internacionais, tarefa que foi concluída nesta sexta-feira.

Isso foi feito com SSL (Secure Socket Layer), ferramenta padrão que cria um canal de segurança criptografado entre o servidor dos aplicaticos e o navegador do usuário, transmitindo os dados de forma segura e sigilosa. As páginas seguras passam a ser identificadas com o prefixo https, em vez do habitual http.

Há algum tempo o Google anunciou que passaria a classificar como não seguros os conteúdos de internet que não fossem protegidos por certificados de segurança internacionais e nas últimas semanas acelerou esse processo.

Existe um esforço global por mais segurança na rede e os principais navegadores também estão sinalizando, cada vez de maneira mais explícita, quando um site pode oferecer ou não riscos aos usuários.

Portais inseguros podem servir como porta de entrada para contaminação do dispositivo do usuário por vírus de internet.

Com essas exigências o portal Camboriú.com.br, por exemplo, que durante duas décadas ocupou as primeiras posições no Google, dias atrás despencou para a 30ª posição porque a segurança é um dos requisitos para estar bem classificado nas máquinas de busca.

Nos últimos dias a equipe do Página 3 atualizou todo o conteúdo do Camboriú, um portal para turistas, e o adequou às normas de segurança.

Como resultado dois dias depois o portal voltou a ser “Top Google”.

Estar no topo do Google é vital para portais de internet porque aumenta a possibilidade de serem acessados através daquela que é a principal máquina de buscas.

Publicações internacionais apontam o Google com 1,8 bilhões de visitantes únicos por mês, com isso superando os quatro buscadores seguintes do ranking (Bing, 0,5 bilhão; Yahoo, 0,49 bilhão; Baidu, 0,48 bilhão e Ask, 0,3 bilhão).

A adequação às normas de segurança incluiu os portais Pagina3.com.br; Camboriu.com.br; Bombinhas. com.br; Itapema.com.br e Guialegalbc.com.

Também foram tornadas seguras as versões mobile desses portais.

Camboriú é o portal mais antigo da cidade

Criado em outubro de 1996, portanto 21 anos atrás, o Camboriu.com.br foi o primeiro portal de turismo da cidade e sempre esteve no topo das principais máquinas de busca em diferentes épocas.

Hoje está na primeira página do Google, do Yahoo e do Bing, as três principais buscadoras. Na busca pela palavra “Camboriu” ele até supera grandes portais de turismo como o Tripadvisor.

O portal tem em média 500 visitas por dia, quase que apenas pessoas que residem em outras cidades ou países, portanto potenciais turistas que é o perfil desejado.

Para esta temporada o Camboriú.com.br passou a ter 100% do seu conteúdo também em inglês e espanhol, facilidade que antes era parcial.

Como saber se um portal é seguro

Na lista de busca

Google, Bing e Yahoo colocam um escudo indicando o risco. Os escudos verdes são endereços seguros, os demais não.

Ao acessar um site seguro

Quando um site é seguro isso aparece explicitamente. No navegador pode aparecer a palavra seguro ou um cadeado como na imagem abaixo, no canto superior esquerdo.

Os bloqueados

Sites com restrições de segurança ou inseguros são sinalizados de maneira diversa pelos navegadores, mas a tendência é adotarem nos inseguros avisos destacados como é feito no Chrome.



Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Reprodução.

Concluídos os processos de segurança dos portais do Página 3

Saiba como indentiticar quando um portal é inseguro

Publicidade

Sexta, 17/11/2017 15:31.

Há algumas semanas o Página 3 desenvolve esforços para adequar seus portais de internet aos padrões de segurança internacionais, tarefa que foi concluída nesta sexta-feira.

Isso foi feito com SSL (Secure Socket Layer), ferramenta padrão que cria um canal de segurança criptografado entre o servidor dos aplicaticos e o navegador do usuário, transmitindo os dados de forma segura e sigilosa. As páginas seguras passam a ser identificadas com o prefixo https, em vez do habitual http.

Há algum tempo o Google anunciou que passaria a classificar como não seguros os conteúdos de internet que não fossem protegidos por certificados de segurança internacionais e nas últimas semanas acelerou esse processo.

Existe um esforço global por mais segurança na rede e os principais navegadores também estão sinalizando, cada vez de maneira mais explícita, quando um site pode oferecer ou não riscos aos usuários.

Portais inseguros podem servir como porta de entrada para contaminação do dispositivo do usuário por vírus de internet.

Com essas exigências o portal Camboriú.com.br, por exemplo, que durante duas décadas ocupou as primeiras posições no Google, dias atrás despencou para a 30ª posição porque a segurança é um dos requisitos para estar bem classificado nas máquinas de busca.

Nos últimos dias a equipe do Página 3 atualizou todo o conteúdo do Camboriú, um portal para turistas, e o adequou às normas de segurança.

Como resultado dois dias depois o portal voltou a ser “Top Google”.

Estar no topo do Google é vital para portais de internet porque aumenta a possibilidade de serem acessados através daquela que é a principal máquina de buscas.

Publicações internacionais apontam o Google com 1,8 bilhões de visitantes únicos por mês, com isso superando os quatro buscadores seguintes do ranking (Bing, 0,5 bilhão; Yahoo, 0,49 bilhão; Baidu, 0,48 bilhão e Ask, 0,3 bilhão).

A adequação às normas de segurança incluiu os portais Pagina3.com.br; Camboriu.com.br; Bombinhas. com.br; Itapema.com.br e Guialegalbc.com.

Também foram tornadas seguras as versões mobile desses portais.

Camboriú é o portal mais antigo da cidade

Criado em outubro de 1996, portanto 21 anos atrás, o Camboriu.com.br foi o primeiro portal de turismo da cidade e sempre esteve no topo das principais máquinas de busca em diferentes épocas.

Hoje está na primeira página do Google, do Yahoo e do Bing, as três principais buscadoras. Na busca pela palavra “Camboriu” ele até supera grandes portais de turismo como o Tripadvisor.

O portal tem em média 500 visitas por dia, quase que apenas pessoas que residem em outras cidades ou países, portanto potenciais turistas que é o perfil desejado.

Para esta temporada o Camboriú.com.br passou a ter 100% do seu conteúdo também em inglês e espanhol, facilidade que antes era parcial.

Como saber se um portal é seguro

Na lista de busca

Google, Bing e Yahoo colocam um escudo indicando o risco. Os escudos verdes são endereços seguros, os demais não.

Ao acessar um site seguro

Quando um site é seguro isso aparece explicitamente. No navegador pode aparecer a palavra seguro ou um cadeado como na imagem abaixo, no canto superior esquerdo.

Os bloqueados

Sites com restrições de segurança ou inseguros são sinalizados de maneira diversa pelos navegadores, mas a tendência é adotarem nos inseguros avisos destacados como é feito no Chrome.



Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade