- Publicidade -
18.5 C
Balneário Camboriú

Projeto ‘Viva Verão’ cancelado na praia central de Balneário Camboriú

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Campeonatos de futebol de areia também

O projeto ‘Viva Verão’, uma das principais atrações da Praia Central nos meses de janeiro e fevereiro, foi cancelado, por causa da pandemia. Este ano, o projeto seria desenvolvido em apenas dois locais: na praça Tamandaré e nas areias do Pontal Norte. 

Na praça seria instalado um lounge com atividades variadas, a exemplo do que já aconteceu no verão passado. Esta parte seria responsabilidade do SBT, que venceu a licitação em novembro. 

No Pontal Norte, a empresa Cartola Eventos, do Paraná, vencedora da licitação, construiria uma arena esportiva, para concentrar atividades recreativas. Ao contrário de anos anteriores, quando eram demarcados vários pontos ao longo da praia para prática de esportes, como handebol, futebol, vôlei de praia, basquete, futivôlei, e ainda um palco para shows musicais, este ano, toda a programação seria desenvolvida na arena do Pontal Norte.

O superintendente da Fundação Municipal de Esportes, Osmar de Miranda (Mazinho) disse que a iniciativa de cancelar o Viva Verão partiu das duas empresas que venceram a licitação. 

- Publicidade -

“Ficamos chateados porque gostamos do projeto que movimenta o turismo, é super bem aceito pelos turistas e pelos moradores também, mas entendemos e respeitamos a decisão das empresas. Foi uma decisão acertada, porque os números da pandemia estão em alta, infelizmente”, disse Mazinho.

Futebol de areia também  

Os tradicionais campeonatos de futebol de areia que a Fundação realiza todos os anos na temporada, em dois campos, na altura da Galeria Maxim e em frente à Rua 2400, também foram cancelados por causa da pandemia.

A Fundação convocou os dirigentes das equipes participantes dos campeonatos, no final de dezembro, para definir o calendário de 2021.

- Publicidade -

“A decisão foi tomada em conjunto com as equipes na última semana de dezembro, quando a situação da pandemia ficou mais complicada. Neste momento seria contraditório realizar estes campeonatos, quando as competições estão canceladas através de protocolos”, declarou o chefe dos esportes municipais.

- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -