- Publicidade -
- Publicidade -
14.6 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Curta-metragem “A Cabana” inicia campanha de financiamento em Balneário Camboriú

Dirigido por Barbara Sturm e protagonizado por Dira Paes e Zé Carlos Machado, o curta-metragem “A Cabana” inicia campanha de financiamento coletivo para a pós produção do filme.

(Divulgação)

Ele foi filmado em novembro de 2022, durante quatro dias na Casa Modernista no bairro do Pacaembu em São Paulo. 

A campanha tem cotas a partir de  R$30 e recompensas como ingressos para a pré-estreia, inscrição em curso de cinema, acesso ao material de criação e construção do projeto, e até aquisição do vestido original feito para o filme e usado por Dira em cena.

- Publicidade -

Já está disponível para o público, um filme de making of da produção com imagens da filmagem e entrevistas com elenco e toda equipe sobre a criação e construção do filme. 

A previsão é que o filme esteja finalizado em junho para estrear em festivais no segundo semestre deste ano.

Link da campanhahttps://www.catarse.me/curtaacabana

O curta-metragem de ficção “A Cabana” apresenta Dira Paes (Alice) e Zé Carlos Machado (Jorge) em um lugar que poderia ser qualquer um. Um homem e uma mulher, levando uma vida em comum de forma nebulosa, como não é raro acontecer. Ausentes e mecânicos, em meio a neblina que os cerca cada vez mais. Um casal que não se vê. Até quando?

“O maior desafio técnico foi produzir a fumaça no set de filmagem. Criar e controlar essa massa homogênea como elemento narrativo e que também se funde com outras fumaças como a do charuto, da chaleira, da lareira”, comenta Barbara.

Protagonizado por Dira Paes, uma das maiores atrizes do cinema brasileiro, o curta tem sua equipe liderada por mulheres, com direção de Barbara Sturm, direção de arte da premiada Marines Mencio, direção de fotografia de Carine Wallauer e figurino de Preta Marques, que tiveram duas as principais referências na construção estética: o trabalho da designer modernista alemã Lily Reich, com suas cadeiras Barcelona e Weissenhof, e o trabalho do pintor americano Edward Hopper, em suas figuras solitárias em ambientes coloridos mas sem vida.

“O filme fala sobre incomunicabilidade, como um casal pode compartilhar uma vida e estar juntos em um mesmo ambiente mas na verdade serem duas pessoas sozinhas”, comenta a diretora.

- Publicidade -

Sobre Barbara Sturm

Barbara Sturm (Divulgação/ArthouseBC)

Formada em cinema, dirigiu três curtas-metragens. 

Atua desde 2007 no mercado de cinema brasileiro, já atuou como programadora no Cine Belas Artes, como gerente de aquisições na Pandora Filmes – onde foi responsável pelo lançamento de ‘Que Horas Ela Volta?” de Anna Muylaert. Passou pela Pipoca Digital, e em 2017 assumiu como gerente de conteúdo na Elo Studios, onde criou e coordena o Selo ELAS – projeto de apoio a longas-metragens brasileiros dirigidos por mulheres. 

É professora do curso O Mercado da Distribuição de Filmes, que já teve 18 turmas e mais de 100 alunos em todas as cinco regiões do Brasil. 

Faz parte do coletivo de inteligência estratégica http://ASAS.BR.COM e do grupo de lideranças femininas Mais Mulheres no audiovisual Brasil.

Sobre Dira Paes

(Divulgação)

Dira Paes é atriz, diretora e apresentadora. Uma das atrizes mais premiadas do Cinema Brasileiro, em seu currículo contam mais de 35 longas-metragens. 

Ela recebeu inúmeros prêmios, incluindo dois troféus Grande Otelo, dois Prêmios APCA, três Prêmios Guarani, dois Prêmios Qualidade Brasil, e um Prêmio Extra. 

Dira também recebeu prêmios nos mais importantes festivais de cinema do país, com três Kikitos do Festival de Gramado e cinco troféus Candango pelo Festival de Brasília. Voltou aos holofotes populares ao interpretar Filó na novela “Pantanal” da Rede Globo.

Sobre Zé Carlos Machado

Com uma longa carreira de ator no teatro, na televisão e no cinema, conta com mais de 40 anos de atuações. Tornou-se conhecido popularmente no Brasil ao interpretar o terapeuta Théo Cecatto, protagonista da série de televisão Sessão de Terapia. Foi indicado a diversos prêmios. Ganhou destaque popular por interpretar Abraão nas novelas Gênesis e A Bíblia, de 2021 e 2022, respectivamente, ambas da Rede Record. 

Atualmente está na novela Vai na Fé na Rede Globo.

Making of realizado por André Gevaerd com assistência de Italo de Lima Produção: Kinoosfera Filmes / Parceiros: Mistika Post, Input Arte Sonora, Focusloc, Locall, Casa Modernista, Juliana Gevaerd e Sarah Chofakian / Proac e Governo do Estado de São Paulo

Colabore:

Link da campanha – https://www.catarse.me/curtaacabana

Making Of

Fonte: Assessoria Arthousebc | Cineramabc Filmes e Produções Artísticas

Tel: 47 3065 2784 | 47 99112 8809 | www.arthousebc.com


Para receber notícias do Página 3 por whatsapp, acesse este link, clique aqui




- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -