- Publicidade -
- Publicidade -
22.8 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Verão se despede com semana chuvosa e calor, em Balneário Camboriú

A semana começará com a mistura de circulação marítima e áreas de instabilidade, na região de Balneário Camboriú, mas o calor continuará. Na quarta-feira (20) inicia o outono.

Segundo o Laboratório de Climatologia da Universidade do Vale do Itajaí (Labclima/Univali), desta segunda até quinta-feira (18 a 21) a previsão é de condição de chuva diária com trovoada isolada, geralmente a partir da tarde e noite, por causa do calor. Deve chover de forma mais significativa na terça e quinta-feira (19 e 21). Ainda assim, o sol aparecerá junto de nuvens – alguns dias serão com maiores períodos de sol, outros menos.

O calor continuará até quinta-feira com máximas entre 30 e 33°C. Depois, a temperatura pode diminuir – entre 17 e 26°C. 

- Publicidade -

Previsão do outono em Santa Catarina

O mês de março marca o fim do verão e o início do outono – que começa oficialmente à 00h06 de quarta-feira (20). 

A transição entre o verão e o outono é caracterizada pela ocorrência dos equinócios, que ocorrerá nesta semana, na quarta e quinta-feira (20 e 21), quando os dias e as noites terão duração igual.

Segundo a EPAGRI/CIRAM para o outono a previsão em Santa Catarina é de chuva próxima a acima da média climatológica. A chuva segue mal distribuída, com totais mais elevados em alguns locais do estado e em outros não. Para este início do outono, a atuação do fenômeno El Niño mantém o risco de eventos extremos com chuva forte e totais elevados em curto intervalo de tempo, temporais com forte atividade elétrica (raios), granizo e ventania. 

Em março diminuem as chuvas de verão e, principalmente a partir desta segunda quinzena, as frentes frias chegam com mais frequência ao Sul do Brasil, sendo responsáveis pela maior parte da chuva em Santa Catarina, com média mensal variando de 150 a 210 mm no Litoral – ou seja, na região de Balneário Camboriú. 

Em abril e maio, a chuva diminui e a média mensal fica em torno de 100 a 170 mm.

Também a partir deste mês os ciclones extratropicais atuam com mais frequência no litoral do Uruguai, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, provocando vento intenso, mar agitado com ressaca e perigo para a navegação no litoral catarinense.

- Publicidade -

A previsão é de temperatura próxima da média climatológica, em SC. Neste mês de março, as massas de ar quente ainda atuam no Estado, com dias consecutivos de temperatura alta devido a influência do El Niño. A previsão é de que massas de ar frio cheguem a partir de abril, com as temperaturas começando a diminuir.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -