- Publicidade -
27.5 C
Balneário Camboriú
Waldemar Cezar Neto
Waldemar Cezar Neto
O autor é jornalista
- Publicidade -
- Publicidade -

Carlos Humberto envia comprovantes de participação na obtenção de verbas

Notícia publicada pelo Página 3, com base em informações da assessoria de comunicação do deputado estadual Carlos Humberto, de que ele teria obtido transferências de quase R$ 10 milhões para Balneário Camboriú, neste ano, causou reações de políticos ligados ao prefeito Fabrício de Oliveira – e até notícia no portal Click Camboriú que teria constatado “discrepâncias significativas”.

A guerra de versões prossegue hoje, com a assessoria de Carlos Humberto enviando ao Página 3 cópia de um ofício onde pede ao Governo do Estado o repasse de R$ 1,5 milhão para o Hospital Municipal Ruth Cardoso, que acabou se concretizando.

A assessoria do deputado enviou também vídeo onde Fábio Godinho,  CEO da CVC Corp. falando à rede de Carlos Humberto, agradece o empenho do Governador do Estado. e do deputado, no repasse de verbas para o evento da CVC em Balneário Camboriú, que trouxe à cidade agentes daquela empresa de turismo que atuam em todo o Brasil.

A disputa pela paternidade do repasse de verbas é pano de fundo de uma disputa política entre Fabrício de Oliveira e Carlos Humberto. O prefeito quer indicar seu sucessor e não quer que seja o deputado.

Essas verbas que vieram para Balneário Camboriú não são de um nem de outro, pertencem ao povo que temporariamente delega aos políticos de plantão a tarefa de gerenciar esse patrimônio, de preferência com austeridade e sem demagogia.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -