- Publicidade -
- Publicidade -
20 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Economia na Semana

Desafio 

Depois de constatado o problema para liberar as cargas no Porto Seco de Dionísio Cerqueira, no Oeste, agora é a vez das entidades empresariais apelarem para resolver o problema da demora na liberação dos procedimentos de importação nos portos catarinenses. A Facisc e a Associação Empresarial de Jaraguá do Sul apontam atraso para a devolução dos contêineres vazios. Há congestionamento de caminhões. O que normalmente leva 48 horas para resolver, agora, chega a ter 15 dias de espera. Inadmissível. Santa Catarina que obteve maior frutos nos últimos 15 anos com uma política fiscal agressiva, que atraiu empresas importadoras e aumentou, sobremaneira, a arrecadação estadual, precisa estar em alerta. A guerra fiscal será coisa do passado com a Reforma Tributária e a nossa logística está comprometida com rodovias precárias, saturadas e, agora, o despacho aduaneiro moroso.  Sobrecarga nas estradas e portos lentos, o empreendedor pode buscar alternativas mais competitivas. E o Paraná está “voando” com seu plano de concessões e investimentos. É preciso agir, já. 

Hasta la vista 

- Publicidade -

Presença frequente nas praias brasileiras, especialmente as catarinenses, durante o verão, o número de turistas argentinos no Brasil despencou de um ano para cá. Em janeiro, apenas 18 mil “Hermanos” estiveram por aqui, contra 520 mil no mesmo período do ano passado. Queda de 97%. As estatísticas foram levantadas pela revista “Veja”, na base de dados do Sistema de Tráfego Internacional. 

Maior do país 

A Federação das Indústrias de SC (Fiesc) acaba de concluir seu maior investimento na área educacional: a Escola SESI de referência Moinho, em Joinville. Com investimento superior a R$ 150 milhões, é a maior do Brasil. Inicialmente, oferece ensino fundamental, médio e cursos no contraturno escolar. São mais de 2 mil estudantes que iniciaram o ano letivo na semana passada. Sua estrutura, com mais de 25 mil metros quadrados de área construída, inclui biblioteca, 14 laboratórios, 51 salas de aula, quatro quadras poliesportivas, piscina semiolímpica e espaço para cultivo de horta. Ao todo, SC tem outras 20 escolas Sesi. 

Política e crime 

O crime nos tira um pedaço do PIB. É o que nos avisa o FMI. Cálculo do Fundo Monetário mostra que se o Brasil tivesse índice de criminalidade apenas igual à média mundial, avançaria no mínimo 0,6 pontos percentuais no Produto Interno Bruto, isto é, o equivalente a 65 bilhões de reais em bens e serviços. Isso sem contar a perda de 40 mil vidas por ano e o medo generalizado. Nosso número é de 19 homicídios por 100 mil habitantes. A média mundial é de menos de 6 por 100 mil. Regiões antes de comércio movimentado nos centros do Rio e de São Paulo, estão abandonadas, de portas fechadas, por causa de roubos e saques. A falta de segurança afasta investidores, como atestam os últimos números. Ao contrário do Brasil, em El Salvador, acaba de ser demonstrado nas urnas que segurança pública é um excelente investimento político. O Presidente que foi implacável com o crime, encheu prisões e limpou as ruas, foi reeleito com estrondosa margem de 85%, além de receber como aliados 58 dos 60 congressistas. 

Crescimento da arrecadação 

Impulsionada pela movimentação econômica causada pelas férias e circulação de turistas no estado, a arrecadação catarinense ultrapassou a barreira dos R$ 4,5 bilhões em janeiro, estabelecendo um novo recorde. Trata-se do maior valor arrecadado em um único mês em SC, resultado de um período atípico e que não deve se manter ao longo do ano. A marca representa crescimento de 22,3% em relação ao mesmo mês do ano passado. Na prática, considerando a inflação de 4,6% do período (IPCA), houve aumento real de 16,9%. 

- Publicidade -

Avaliação 

Encerramos o primeiro mês do ano com uma ótima notícia para a economia catarinense. É mais uma prova de que podemos superar as dificuldades sem aumentar impostos. Com muita responsabilidade na gestão das contas, vamos continuar apoiando quem produz e faz Santa Catarina crescer, destaca o atual governador. Apear de ser um resultado animador, o secretário da Fazenda observa que o cenário ainda impõe cautela à gestão estadual. A análise técnica do Secretário aponta que o mês de janeiro é historicamente beneficiado pelo aquecimento da economia no período, quando muitas pessoas saem de férias e impulsionam o movimento no comércio, no turismo, além do consumo elevado de energia devido ao calor. 

Geração de empregos 

Santa Catarina terminou o ano de 2023 com um saldo de 62,6 mil empregos com carteira assinada. Ao longo de 12 meses, foram 1,5 milhão de admissões e 1,44 milhão de desligamentos. Os destaques em SC no ano passado foram: Joinville (+9,4 mil), Itajaí (+6,2 mil), Florianópolis (+3,6 mil), Chapecó (+3,2 mil) e São José (+3,0 mil). 

Negociação em andamento 

Depois do anúncio da nova rota entre Florianópolis e a cidade do Panamá Copa Airlines, agora SC está trabalhando para ter um voo direto para a Flórida, nos Estados Unidos. A informação é do portal Hora Política. A conversa com a Flórida iniciou em janeiro, mas há um caminho para o alinhamento, envolvendo possíveis companhias aéreas e aeroportos também. Entre as negociações, podem entrar os aeroportos de Miami ou de Orlando. 

Alimentação saudável e natural 

Ir ao supermercado em busca de itens saudáveis é, para muitos, ir direto até uma prateleira específica, onde ficam os alimentos sem glúten, sem lactose e sem açúcar. Mas, na verdade, uma alimentação saudável e natural não precisa ser restrita a apenas um corredor do mercado: existem diversas opções em vários outros setores e basta o consumidor estar atento às informações da tabela nutricional e aos ingredientes utilizados para encontrar uma variedade enorme de produtos para uma alimentação saudável. Segundo dados da pesquisa Consumer Insights, realizada pela Kantar, a busca por alimentos saudáveis vem crescendo entre os brasileiros, especialmente para as opções de lanches, retomando níveis pré-pandemia. Hoje, o mercado de saudabilidade é avaliado em mais de R$ 100 bilhões pela Euromonitor e a tendência é de crescimento nos próximos anos. 

Vende e aluga 

Santa Catarina é o segundo estado com maior atuação das empresas do setor imobiliário, segundo pesquisa do Grupo Prospecta em parceria com o Sienge. Em primeiro está São Paulo, com 19% das empresas, enquanto SC (11%) e Minas Gerais (9%) ocupam, respectivamente, o segundo e o terceiro lugares. 

Dupla face 

O mesmo Supremo Tribunal Federal onde o “iluministro” Dias Toffoli resolve, monocraticamente, perdoar dívidas confessadas de empresas corruptas no valor de R$ 18 bilhões, está processando um catarinense denunciado por furtar uma garrafa de termogênico (suplemento alimentar que ajuda na queima de gordura) avaliada em R$ 100,90. O capricho “supremo”: a Defensoria Pública da União havia pedido o encerramento do processo com base no “princípio da insignificância”. Pedido ignorado. 

Vergonha de ser honesto 

Ver, ouvir e ler as decisões do ministro Dias Toffoli faz lembrar célebre discurso feito no plenário do Senado em 1914 por Rui Barbosa. Uma frase se tornou célebre e se mantém atualíssima: “De tanto ver agigantar-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”. 

Decolagem 

O aeroporto internacional de Guarulhos, em São Paulo, fechou 2023 com a pior avaliação de qualidade dos serviços em uma lista de 12 concedidos à iniciativa privada, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Pelas suas regras, o índice máximo de qualidade é de 2% e o mínimo -7,5%. O Floripa Airport ficou empatado com o de Fortaleza na melhor posição, com 1,8%. Guarulhos ficou na pior, com 0,47%. 

Cigarro eletrônico 

Em 2023, a busca pelo termo “cigarro eletrônico” cresceu mais de 1.200% em SC, conforme levantamento no Google Trends. Outra pesquisa, do Ipec, também do ano passado, mostrou que SC possui uma incidência de 2,2% da população total que consome cigarros eletrônicos, que são proibidos. 

Golpe de falsa oferta 

A Havan voltou a alertar a população nas redes sociais sobre um golpe em que a loja estaria fazendo uma promoção na internet de celular Samsung S22 por R$ 179 e o iPhone 14 por R$ 149. O golpe é antigo e apareceu no mês de dezembro. Os criminosos utilizam parte de um vídeo antigo do empresário e com auxílio da inteligência artificial, reproduziram uma voz parecida com a do empresário, em que ele, supostamente, diz que o Procon obrigou a Havan a vender celulares. Em nota, a Havan voltou a afirmar que esse vídeo é fraudulento, que não recebeu qualquer intimação do Procon e que o setor jurídico da loja está atuando para que este golpe não seja mais divulgado nas redes sociais. 

Dividendos

Ao aplicar na Bolsa de Valores, investidores buscam não somente a valorização do ativo, mas também o pagamento de remuneração das empresas na forma de proventos. No entanto, o investidor pode perder o momento certo para ter uma posição acionária em determinado ativo se deixar o prazo passar e assim ele não recebe o provento desejado. Muitas empresas de investimentos trabalham com uma Agenda de Dividendos que é voltada para investidores que priorizam o foco em proventos. Com a carteira, o investidor sabe, de antemão, quais são as empresas que fazem pagamentos recorrentes e quando elas pagam os dividendos. Com essa informação, o investidor pode realizar seu planejamento e ter uma previsibilidade e consistência de renda passiva, detalha Luis Moran, da EQI. 

O que são dividendos? 

Quando uma empresa lucra, ela pode reter parcela no seu caixa ou distribuir os valores na forma de proventos. Os dividendos são a forma mais usual, mas a distribuição pode ser ainda pelos Juros sobre o Capital Próprio (JCP). Na prática, uma empresa lucrativa pode ou não pagar muitos proventos, a depender da sua estratégia: se ela pretende investir muito para crescer, tende a pagar proventos menores. Por isso analistas costumam dividir as empresas como sendo teses de crescimento voltadas para o pagamento de dividendos. Bancos, corretoras e casas de análise divulgam, geralmente mês a mês, carteiras recomendadas com essas distinções. Com os dividendos, as empresas que obtiveram lucro distribuem esse valor entre seus acionistas, com uma fatia mínima de 25%. O montante pode ser mais elevado, assim como pode ser alterado de acordo com o estatuto, votado por acionistas em Assembleia Geral após aprovação do Conselho de Administração. 

Enganação 

Finalmente, na volta do recesso, o Congresso vai analisar o projeto de lei 6122. Estabelece que a mudança quantitativa do produto embalado posto à venda deverá constar da embalagem pelo prazo mínimo de dois anos no caso da redução ou peso ser superior a 10%. Finalmente! Hoje, por exemplo, prevalece a esperteza e desonestidade na barra de chocolate encolhida mas sem o equivalente no preço, nos ovos (com 10 unidades ao invés da tradicional dúzia) e na linguiça de churrasco (em embalagem de 900 gramas), dentre centenas de outros exemplos, dificultando a comparação e prejudicando claramente o consumidor. Mais honesto seria se a redução fosse de 30%, facilitando a comparação. 

Distância

Lê-se que crime e violência elevados estão afastando investidores e fazem o Brasil deixar de crescer 0,6% do PIB, conforme estudo do Fundo Monetário Internacional (FMI). Faltou mais um motivo: a insegurança jurídica. Que país é esse onde um membro da corte suprema, em duas decisões monocráticas, perdoa R$ 18 bilhões de multas de empresas corruptas que confessaram seus crimes e fizeram acordos na Operação Lava Jato? 

Malandragem 

A partir da constatação do Censo 2022 de que o Brasil tem mais espaços religiosos do que de educação e saúde juntos, é muito fácil se constatar, lamentavelmente, com provas explícitas, que neste país os melhores empreendimentos são os partidos políticos, igrejas e escolas de samba. Em comum, recebem dinheiro público sem fazer esforço. 

Foi-se o tempo 

Foi-se o tempo em que os catarinenses mais barristas gostavam de dizer e se orgulhar do fato de terem nascido aqui algumas empresas que se tornaram gigantes no Brasil e no mundo. Foi-se. Foram compradas por outras maiores e viraram até multinacionais. O negócio desses dias envolve a centenária Hering, cujos donos, a Arezzo & Co e o Grupo Soma, selaram acordo, envolvendo 22 marcas, para formar uma gigante do varejo de moda cujo valor de mercado é estimado em R$ 12 bilhões. 

Leitura 

A Associação Nacional das Livrarias publicou um relatório informando que o número de livrarias em SC teve um pequeno aumento de 2013 a 2023: de 95 para 107. No Brasil houve uma redução de 1,8% no mercado. Hoje são 2.972 lojas físicas. O Estado com mais livrarias é São Paulo, 1.167; com menos, o Amapá, quatro. 

Esconder o que? 

A propósito da nova lei estadual obrigando empresas concessionárias do serviço de transporte hidroviário, fluvial, lacustre ou marítimo, que a rejeição ao pix ou cartão de débito ou crédito como forma de pagamento, exigindo apenas dinheiro em espécie, é uma forma de sonegar impostos. Com toda certeza. 

Rio trágico 

A que ponto chegamos. Criminosos de outros Estados estão pagando R$ 50 mil a R$ 100 mil por mês para se esconder na favela da Rocinha, na Zona Sul do Rio de Janeiro. 

Manto 

Está abusivo o preço das camisas oficiais de times de futebol no Brasil. Quando de lançamento, chega a R$ 350. Clubes e fabricantes alegam custos de produção e outros aspectos comerciais. A mais cara do momento de clubes da série A é a do Palmeiras, R$ 369,90. A mais em conta do Atlético de Goiás, R$ 209,90. A do Criciúma está em 17º lugar em valor, R$ 249,90. 

Estádio próprio 

O presidente do Brusque afirmou que o clube deve apresentar nas próximas semanas, o projeto de seu próprio estádio. A possibilidade de venda de 20% dos direitos comerciais na Liga do Futebol Brasileiro significa, para a diretoria, perspectiva de investimento em estrutura. Caso a ideia saia do papel, o novo estádio deverá ter capacidade para 6 mil torcedores, exigência mínima do Brasileiro Série B. Além do estádio, o Brusque pretende construir, em breve, campos que virão a compor um novo centro de treinamento. O clube tem à disposição um terreno de 72 mil metros quadrados na chamada Estrada da Fazenda, no bairro Volta Grande. Em 2019, a área foi oficialmente concedida ao clube pela Prefeitura de Brusque por 20 anos, renováveis por mais 20. 

Premiação 

No último dia 30, o Sindilojas comemorou 57 anos de fundação e homenageou o empresário Fernando Heil (leia-se Stop Shop) e esposa Odete, com o troféu Herbert José Schlindwein, feito pelo escultor e artista plástico Karl Guinther Theichmann. Outras homenagens e premiações aconteceram na mesma data. 

Rescisão de contrato 

O governo do estado rescindiu o contrato com a empresa responsável pela obra da intersecção entre a Rodovia Antônio Heil (SC-486) e a BR-101, o “novo trevo”. De acordo com a Secretaria de Infraestrutura de SC, a rescisão aconteceu na última semana. A obra deve custar R$ 80 milhões. A intenção é que sejam construídas quatro alças e dois elevados. A demanda é de interesse, principalmente, dos municípios de Brusque e Itajaí, pois o intenso tráfego na região afeta diretamente as duas cidades. 

Hospital Dom Joaquim

Pacientes do SUS de outros municípios da região de Brusque agora podem contar com serviços ofertados pelo Hospital Dom Joaquim. No dia 19 de dezembro, o hospital assinou um contrato com a Agência Pública Intermunicipal de Serviços do Vale Europeu para prestação de serviços a municípios da região. Até então, o hospital não podia atender de forma significativa pacientes do SUS de municípios como Guabiruba e Botuverá, pois prestava uma cota de serviços para Brusque, com somente uma pequena parcela para as duas cidades vizinhas.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -