- Publicidade -
- Publicidade -
18 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Cultura de Balneário Camboriú recebeu prêmio nacional

Foi a única cidade catarinense homenageada em Brasília

A presidente e a diretora da Fundação Cultural, Denize Leite e Lilian Martins representaram Balneário Camboriú, na solenidade de entrega do Certificado de Responsabilidade Cultural, nesta segunda-feira (13), em Brasília. 

Lilian e Denize, em Brasília (Divulgação)

O prêmio é concedido pela Agência Nacional de Cultura, Empreendedorismo e Comunicação (ANCEC). O prêmio é concedido a instituições e personalidade do setor cultural e neste ano, foram selecionadas cidades que estão valorizando a cultura nos últimos anos, especialmente durante o período da pandemia.

- Publicidade -

Esta é a primeira vez que Balneário Camboriú recebe a premiação e foi a única cidade catarinense homenageada por seus investimentos no setor cultural do município, durante a pandemia.

Cultura Inspira

O ‘pacote cultural’ ganhou o nome de Cultura Inspira e foi esse projeto que destacou Balneário Camboriú na certificação nacional.

Em seu discurso, a presidente da Fundação Cultural disse que durante o período de pandemia, em 2020 e boa parte de 2021, artistas e produtores culturais, uma das classes mais atingidas nesse período, receberam um olhar especial.

As ações

Ela destacou a disponibilização do Teatro Municipal, do espaço, estrutura e de profissionais técnicos para Produção de conteúdo digital; a Feira online para que os clientes pudessem entrar em contato com toda a cadeia produtiva das feiras de Balneário Camboriú, feirantes, artesãos, artistas, e efetuar a compra dos produtos ou serviços online, diretamente com o produtor; e a parceria com o Sebrae, oportunizando que os artesãos pudessem fazer consultorias de Marketing Digital e formação de preço para venda.

Censo Cultural

- Publicidade -

“Por meio de Edital de Credenciamento de Artistas, realizamos contratações durante a pandemia, movimentando a classe artística e levando a Cultura de nosso município a todos, por meio de transmissão em formato live  no Facebook da Prefeitura de Balneário Camboriú”, disse Denize.

Além disso, ela destacou a distribuição de alimentos para trabalhadores da área cultural e a orientação a esses profissionais sobre quais benefícios assistenciais eles poderiam acessar. Foi realizado o Censo Cultural, com mais de duas mil ligações telefônicas para os artistas da cidade, a fim de detectar e atender suas necessidades.

Lei Aldir Blanc

No período foram lançados sete editais da Lei Aldir Blanc, com recursos federais e municipais, num total de R$ 943 mil, distribuídos para 93 propostas contempladas, envolvendo diretamente 142 pessoas, entre artistas, agentes e produtores culturais.

- Publicidade -

“Também lançamos o edital da Lei Municipal de Incentivo e Fomento à Cultura, com recurso municipal no valor de R$ 887 mil, que contemplaram 44 projetos artístico-culturais”, enfatizou Denize.

Por fim, ela destacou o programa ‘Delivery 60+’, implantado durante a pandemia na biblioteca Municipal Machado de Assis. Este programa entregou em casa livros para leitores com mais de 60 anos e teve grande resposta desta faixa etária. 

“Nesse período de pandemia, a Administração Pública Municipal de Balneário Camboriú fomentou a Cultura e fez desenvolver essa atividade tão importante para a sobrevivência coletiva,  distribuindo recursos para toda a cadeia produtiva e valorizando a Cultura em toda a sua essência. É com muita alegria e orgulho que recebemos essa premiação”, finalizou Denize.

- Publicidade -
spot_imgspot_img
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
%d blogueiros gostam disto: