- Publicidade -
- Publicidade -
20.3 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Instituto Jorge Schröder, de Balneário Camboriú, realiza encontro de escultores no Pico Malwee

O primeiro projeto de escultores nacionais e internacionais Pico Malwee, inicia nesta sexta-feira (3) e segue até o próximo dia 12, em Jaraguá do Sul. Estão participando 10 escultores, a maioria deles nacionais, porque a pandemia dificultou bastante a vinda de artistas de outros países.

O evento surgiu de uma parceria entre o Instituto Jorge Schröder (IJS), de Balneário Camboriú e o Pico Malwee, uma nova atração turística de Jaraguá do Sul.

Balneário Camboriú estará participando com o escultor Jorge Schröder, presidente do IJS. Santa Catarina terá outros dois participantes: Hugo Pagani, de Piçarras e Rafael Rodrigues, de Florianópolis.

- Publicidade -

Os demais participantes são: Irineu Garcia e Ricardo Kersting (Porto Alegre/RS); Guto Rabin (Cruz Alta/RS); Maria de Bernardo (Curitiba/PR); Renato Brunello e Marcos Guimarães (SP) e José Miguel Carcama (Santiago do Chile).

“Este projeto teve a escolha dos escultores pela notoriedade e trajetória artística. Levando em conta também a vacinação dos mesmos. São grandes escultores nacionais na maioria, pois estrangeiros, ficou difícil de trazer. Havia um convidado argentino que não pode sair do seu país, sem possibilidade de retorno. O de Santiago do Chile, terá de cumprir quarentena no seu retorno em hotel sanitário. Muitas dificuldades”, comentou Schröder.

A Parceria

Schröder disse que a parceria com o Pico Malwee surgiu a partir da implantação das esculturas do acervo do Instituto no Parque Malwee em 2021.

“São as mesmas obras que foram retiradas do Parque Raimundo Malta, a pedido do conselho do parque. Esta coletânea despertou o interesse da comunidade de Jaraguá e do empresário Wander Weeg, incentivador e participante deste projeto. O local é uma nova opção de lazer e turismo na cidade, inaugurado há pouco, está em conformação, integrando natureza e arte. O Pico Malwee é um novo espaço, não está associado ao Parque Malwee”, explicou o escultor.

Materiais

Os escultores trabalharão com materiais diferenciados, como árvores que caíram com o ciclone bomba, sucatas da empresa Malwee e mármore Corteccia, de Camboriú.

O evento é aberto ao público diariamente, das 7h às 18h.

O Pico Malwee foi reaberto ao público em setembro de 2020. O acesso se dá pelo Bairro Barra do Rio Cerro, pela rua Pastor Albert Schneider.

O Pico Malwee, atração turística
- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -