- Publicidade -
- Publicidade -
31 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Sessão solene vai homenagear os 60 anos do colégio João Goulart de Balneário Camboriú 

‘Minha história se confunde com a trajetória desta escola”, diz a presidente da Rede Feminina, Marisa Schmitt Kuehne

A Escola de Educação Básica Presidente João Goulart, o maior colégio estadual de Balneário Camboriú, iniciou suas atividades em 20 de junho de 1963, com 141 alunos. Chamava-se Grupo Escolar ‘Presidente João Goulart’ e Ginásio Normal 20 de Julho. 

A inauguração oficial aconteceu somente em 7 de dezembro do mesmo ano, com a presença do então governador do Estado, Celso Ramos.

O governador com estudantes na inauguração. (Foto Arquivo Pessoal/Marisa S.Kuehne)

Esta história de 60 anos será relembrada durante a sessão solene que a Câmara de Balneário Camboriú promoverá na segunda-feira (19), às 19h., quando profissionais, alunos e ex-alunos, que fizeram parte da história da escola, serão homenageados. 

- Publicidade -

A solenidade, proposta pelo vereador André Meirinho (Progressistas), é aberta à comunidade e poderá ser acompanhada no plenário Vereador Walter Eilers, e também pelo FacebookYoutube e site do Legislativo.

 “Importante homenagear essa unidade de ensino, que tanto contribui para a nossa cidade. A escola promoveu a formação de vários nomes de Balneário Camboriú, que hoje contribuem para o desenvolvimento da cidade. Tenho muitos amigos que estudaram no João Goulart, além de ser o colégio onde eu voto”, explicou Meirinho. 

A história

Há seis décadas, quando a Escola de Educação Básica Presidente João Goulart, localizada na área central do município de Balneário Camboriú, foi fundada havia 141 alunos matriculados, nas turmas de 1º a 4º ano, nos turnos diurno e semi noturno.

Um ano após a fundação, foi criada a Associação de Pais e Professores. As décadas de 1960 e 1970 foram marcadas pela participação da comunidade nas festividades escolares, bem como pelos projetos desenvolvidos com os educandos. 

Em dezembro de 1973, 10 anos depois da inauguração oficial, a escola formou a primeira turma do ginásio completo.

Atualmente, a escola atende cerca de 1400 alunos, em três turnos, nos níveis de ensino fundamental e médio, inclusive com a formação magistério. Com mais de 120 profissionais atuando diariamente na escola, é a principal referência do ensino público no município.

Homenageados

Cinco pessoas serão homenageadas na sessão solene:

Rosita Terezinha Mello de Mello (Professora mais antiga em atividade); Juceli Adriano Grubert Momm (aluna e professora); Carlos Alberto Schlup (Ex-aluno (1967) e porta-bandeira no desfile da Independência); Lucia Helena Furlan (Orientadora Educacional em atividade) e a atual diretora geral, Silvana Franco.

Lembranças

Marisa fez parte das primeiras turmas em 1963 (Foto Arquivo Pessoal/Marisa S.Kuehne)

“Minha história  se confunde  com a trajetória  do Colégio  João  Goulart”, disse a presidente da Rede Feminina de Combate ao Câncer, Marisa Schmitt Kuehne. Ela estava entre as primeiras turmas do primário do João Goulart, em 1963. Depois foi professora de 1a.a 4a. séries, auxiliar de diretor, secretária por mais de 16 anos e diretora-adjunta de 2001 a 2003, quando se aposentou em setembro de 2003, com 33 anos de serviço.

Marisa (C) como secretária com diretoras e auxiliares. Foto Arquivo Pessoal/Marisa S.Kuehne

“Minha mãe, Eulina da Silva Schmitt (in memoriam) fez parte do primeiro quadro de professoras do João Goulart; minhas irmãs Lisete Schmitt Garcia e Marli Terezinha Schmitt Garcia também foram alunas das primeiras turmas, em 1963, como também meu esposo, Durval Kuehne”, contou Marisa.

- Publicidade -

Desde 1980 atuando como voluntária, Marisa é atualmente presidente da Rede Feminina de Combate ao Câncer.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -