- Publicidade -
- Publicidade -
28 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Juliana Pavan deixa claro que não será vice de Spernau porque quer concorrer a prefeita

A vereadora e pré-candidata a prefeita Juliana Pavan disse ao Página 3 que concorrerá a prefeita e não aceitará ser vice de Rubens Spernau, uma especulação frequente nos meios políticos, devido à amizade entre ambos.

“Quando cogitei de concorrer, minha família falou para eu conversar com o Rubens, ele foi a primeira pessoa que eu procurei e me disse que não seria candidato, me incentivou”, explicou Juliana.

Spernau, prefeito em dois mandatos, entrou na vida pública através do pai de Juliana, Leonel Pavan, que foi prefeito de Balneário Camboriú em três mandatos.

- Publicidade -

“Conversei com muita gente experiente para ouvir, aprender e a resposta do Ruben fortaleceu minha decisão. Deixo claro que não serei vice de ninguém, já empenhei minha palavra para muita gente que está comigo, até respeito se ele mudar de decisão, mas  eu não mudarei”, destacou Juliana.

É provável que ela siga o exemplo do seu pai e deixe o PSDB pelo PSD, na janela para troca de partidos, sem penalidades, de 7 de março a 5 de abril.

A candidatura de Juliana se destaca porque, nos últimos 40 anos, apenas uma mulher concorreu a prefeita (Jade Martins Ribeiro) e nunca uma se elegeu para comandar a cidade.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -