- Publicidade -
16.3 C
Balneário Camboriú

Promotoria eleitoral de Balneário Camboriú pede até R$ 106 mil de multa para idealizador do BC Port

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Pesquisa encomendada pelo prático não seguiu as regras previstas na legislação

O promotor de justiça eleitoral em Balneário Camboriú, Jean Michel Forest, pediu em juízo, nesta quarta-feira (4) que o prático André Guimarães Rodrigues, idealizador do BC Port, seja multado em R$ 53.205,00 a R$ 106.410,00 por divulgar pesquisa eleitoral que não obedeceu as regras previstas em lei.

Essa pesquisa, cujo resultado favoreceu os interesses comerciais de André Guimarães Rodrigues, já foi retirada de circulação dias atrás pela justiça eleitoral.

A empresa Tática – Consultoria Pesquisa Ltda. e o encomendante André Guimarães Rodrigues,alegaram que não juntaram documentos para regularizar a pesquisa porque houve dificuldades com o sistema informatizado da justiça eleitoral, mas não juntaram qualquer prova disso.

- Publicidade -

Em verdade os documentos juntados ao registro da pesquisa possibilitam acreditar que quem a executou não tem conhecimentos técnicos adequados ou usou de má fé, para manipular resultados.

“…Deve ser relembrado, ainda, que a constatação de inobservância das normas eleitorais na pesquisa em discussão era perceptível e compreensível para qualquer pessoa que viesse acessar a mesma junto ao sistema eletrônico PesqELE, logo, inviável o Representado André Guimarães, ora contratante, sustentar o desconhecimento da não harmonização daquela com os preceitos eleitorais”, destacou o promotor.

- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -