- Publicidade -
- Publicidade -
30 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Camboriú 139 anos: Página 3 entrevista o prefeito Elcio Kuhnen, que fala do futuro da cidade vizinha

Camboriú está comemorando 139 anos nesta quarta-feira (5) de abril. A ‘cidade-mãe’ de Balneário Camboriú caminha para um futuro de crescimento habitacional com forte migração de moradores da ‘praia’ para a cidade vizinha por conta do alto custo imobiliário.

A cidade vem recebendo investimento de grandes construtoras e de condomínios fechados, a exemplo do Caledônia, Colinas de Camboriú, Parque do Lago, etc. 

O prefeito da cidade, Elcio Kuhnen, conversou com o Página 3. 

- Publicidade -
Elcio recebendo homenagem no Congresso Brasileiro de Gestão por Resultados (Divulgação/PMC)

Acompanhe abaixo.

Verticalização e planejamento urbano com qualidade

Elcio enalteceu a frase ‘Camboriú 139 anos – Construindo o futuro!’ dizendo que não foi escolhida por acaso e sim de fato premedita que a cidade está atrás de inovações tecnológicas, buscando crescer de forma sustentável, para incentivar novas matrizes econômicas e o desenvolvimento. 

Pavimentação do interior, na Estrada Geral do Braço, se reverterá em forte crescimento (Divulgação/PMC)

“Fizemos várias ações nos últimos anos focando nisso, tanto que 2022 foi o melhor dos seis anos de gestão, porque ano a ano a receita do município foi aumentando, assim como os nossos objetivos estão muito claros, com a proibição de novos loteamentos, a TPC, a questão da outorga onerosa – focando na verticalização e planejamento urbano com qualidade, investindo em acessibilidade, pavimentando as estradas do interior, incentivando modais alternativos, instalando ciclovia, iluminação limpa”, disse.

O prefeito afirmou que nos últimos cinco anos a cidade teve um ‘crescimento gradativo rumo ao futuro’ e que não é mais uma ‘cidade dormitório’, já que está muito bem localizada entre cidades como Balneário Camboriú, Itapema e Itajaí, que possuem economia pujante. 

“Camboriú é uma cidade favorecida para o desenvolvimento, e diante disso empresas de alto padrão da construção civil também estão investindo aqui, assim como o cidadão que vem de outro local também investe. Há um valor agregado em morar em Camboriú, com melhorias significativas que estamos vendo, com imóveis de alto padrão, que chamam a atenção”, acrescentou.

“Tudo isso fará de Camboriú uma das 10 principais cidades de SC”

Sobre as melhorias de infraestrutura, Elcio citou a ligação com Itapema via Morro do Encano, a melhoria na internet, energia limpa, sem deixar de citar obras muito esperadas – como o Parque Inundável, que será tema de audiência pública no próximo dia 17 (saiba mais aqui), que está sendo licenciado via Instituto do Meio Ambiente de SC, além do binário com a nova ponte unindo Balneário e Camboriú, a perspectiva do transporte coletivo unindo os 11 municípios da Amfri e ainda o esgotamento sanitário, focando em um Rio Camboriú mais limpo. 

Condomínio Caledônia (Divulgação/PMC)

“Está avançando na agência reguladora a proposta da Águas de Camboriú, e assim conseguiremos definir o início das obras, que esperamos que seja no início do segundo semestre deste ano. Tudo isso fará de Camboriú uma das 10 principais cidades de SC em no máximo 20 anos”, afirmou.

- Publicidade -

“Ano a ano temos apresentado serviços de melhor qualidade”

O prefeito falou também que gestão pública se trabalha com índice de governança, indicadores de gestão, desenvolvimento social, saúde, nível de pobreza, etc. e que em todos esses indicadores Camboriú vem melhorando ano a ano, mas salientando que ‘óbvio’ que Camboriú poderia estar melhor, mas que ‘já esteve pior’. 

“O índice de segurança melhorou muito, 2022 foi o menor dos últimos 30 anos. Ano a ano temos apresentado serviços de melhor qualidade – principalmente educação e saúde, que são nossas prioridades. É fundamental a união da população por uma Camboriú cada vez melhor, a parceria cidadão x município na melhoria da autoestima também reflete em uma sensação melhor, percebemos isso no dia a dia: as pessoas estão mais felizes por morar em Camboriú. Há um sentimento de que é bom viver em Camboriú, cidade que tem um povo hospitaleiro, cristão, que gosta da família, e que está do lado de Balneário, uma cidade moderna e a qual Camboriú nunca teve inveja, pois é a mãe de Balneário”, disse.

Ele completa dizendo que Camboriú chega aos seus 139 anos ‘crescendo o olhar’ para grandes investimentos na área da construção civil, turismo e entretenimento (citando a Greenvalley, uma das principais casas noturnas do mundo). 

Planejamento do que será o Colinas de Camboriú, da Embralot – a “Camboriú do futuro” (Divulgação/PMC)

“Temos condições muito favoráveis para termos um desenvolvimento muito acelerado como aconteceu em Balneário Camboriú de 1980 a 2000, com o ‘boom’ de crescimento que trouxe Balneário para o cenário nacional. Podemos falar em hidrovia, condomínios náuticos, com logística favorável, nosso interior com pavimentação asfáltica… há situações muito favoráveis para o futuro, e por isso estou feliz – dentro das possibilidades cumpri minha missão de servir como prefeito, com gatilhos para dar celeridade de gestão sustentável preocupada com futuro. Não tenho dúvida que entregarei uma cidade em 2025 melhor do que quando iniciei em 2017, incomparável em receita, desenvolvimento, e em todos os setores e indicadores. Camboriú ano a ano está melhor do que o ano interior”, finalizou.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -