- Publicidade -
13.3 C
Balneário Camboriú

“Memórias de BC” quer evidenciar as raízes da cidade

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Foi uma vontade de saber mais sobre as raízes de Balneário Camboriú que levou a estudante Yasmin Primieri a produzir uma grande reportagem sobre as memórias da cidade, como Trabalho de Conclusão do Curso de Jornalismo, da Univali. 

Nascida e crescida em Balneário, Yasmin disse que adora a cidade e conhece bastante coisa, mas sentia falta de saber mais sobre as origens do município. Ela percebe um ritmo muito dinâmico que privilegia o novo e o “progresso”, mas pouco valoriza o que passou. 

“A cidade está sempre em constante transformação, em todo canto tem coisas desaparecendo e outras novas surgindo, mas o passado não é muito evidenciado”, observa.

“O tema sempre me instigou e tinha vontade de levar isso para as pessoas, de maneira mais acessível do que ter que procurar em livros, na biblioteca, por isso optei pela estratégia da reportagem on line, num site super interativo, que propicia que o leitor vá navegando e descobrindo o que tem ali”, explica.

- Publicidade -

Yasmin conta que foi muito satisfatório conversar com as pessoas e todo o processo de pesquisa, quando encontrou várias pesquisas, dicas, e projetos que contemplam a memória da cidade. 

“As pessoas têm muito a dizer e querem fazer isso, se sentem valorizadas, e valorizando a história delas. Muitos têm um acervo fotográfico muito rico, foi muito legal fazer todo trabalho”, conclui a jornalista, que pretende dar sequência à pesquisa, ampliando o projeto para um projeto da lei de incentivo cultural. 

(Texto: Caroline Schneider Cezar)

- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -