- Publicidade -
- Publicidade -
17.7 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

JEBC: Festa de abertura da principal competição estudantil de Balneário Camboriú será nesta quinta-feira

JEBC abre caminho para revelar novos talentos, diz a multicampeã Anny de Bassi

A solenidade de abertura dos 25º JEBC, 7º Jebequinho e 9º ParaJebc vai movimentar o ginásio do Multieventos Sérgio Lorenzato, no Bairro das Nações em Balneário Camboriú, nesta quinta-feira (29), a partir das 19h. com desfile das 29 escolas participantes e apresentações do Projeto Oficinas.

As competições são organizadas pela Fundação Municipal de Esportes (FMEBC) em parceria com a Secretaria da Educação. 

- Publicidade -

A coordenadora dos Jogos, Camila Rodrigues de Abreu, disse que a expectativa é ainda maior, porque nos dois últimos anos, a competição não aconteceu por causa da pandemia.

Coordenadora dos Jogos, Camila (Foto Ivan Rupp)

“Estou com grande expectativa que este ano será surpreendente, os alunos estão animados e confiantes.

Esse ano será marcado como o retorno dos alunos no esporte e nas competições. A volta dos Jogos Estudantis demonstra a iniciação esportiva e a demonstração da vida e do estilo de vida, através da saúde e a realização da prática esportiva”, disse Camila. 

Segundo a coordenadora, a festa da abertura foi planejada para toda a comunidade participar e apoiar os atletas do município. 

- Publicidade -

“Esse ano vai ser bem diferente, esperamos que as famílias venham prestigiar e celebrar o esporte”, convidou.

JEBC = Pontapé inicial

Campeã sul-americana Anny de Bassi é ‘cria’ dos Jogos Estudantis. Na primeira foto Anny está no centro e na segunda está à esquerda. Na terceira foto, o troféu que ela ganhou nos JEBC (Arquivo Pessoal).

Uma história vitoriosa que surgiu dos JEBC é a da velocista Anny Caroline de Bassi, que ganhou várias vezes esta competição, tornou-se recordista dos Jogos Abertos, conquistou pódios estaduais, nacionais, é campeã sul-americana de adulto, disputou Mundial de revezamento, tornou-se uma referência importante do esporte de Balneário Camboriú.

Anny contou que o JEBC foi realmente sua inspiração para sua carreira. 

- Publicidade -

“É uma competição que abre portas para ingressar no esporte, criando objetivos e metas. A partir do JEBC as crianças são convidadas para participar das escolinhas de várias modalidades, é o pontapé inicial para quem gosta de esporte. Sempre é uma competição divertida e muito esperada. Lembro que na minha época, eu esperava o momento, eu participava de várias modalidades, fazia handebol, basquete, xadrez, queimada na praia, atletismo e além de competir eu ia torcer pelos amigos em outras modalidades”, declarou Anny.

Com a experiência que adquiriu ao longo dos anos, Anny revelou que os JEBC trazem outras características que servirão ‘para toda vida’ de um atleta.

“É uma competição que integra, une escolas, amigos, cria um ambiente competitivo mais saudável, você aprende a ganhar, a perder, aprende que seu esforço traz resultados, porque eu comecei a treinar porque eu queria ganhar os JEBC. Às vezes eu ganhava, outras vezes ficava em segundo lugar. Nos JEBC de 2012 eu decidi que queria ganhar e me dediquei ainda mais. Ganhei um troféu Destaque”, contou.

Idades & Modalidades

JEBC – seguem até meados de julho, divididos em duas categorias:

Infantil, de 12 a 14 anos

Juvenil, de 15 a 17 anos

Modalidades: atletismo; basquetebol; futebol; futsal; ginástica artística; ginástica rítmica; handebol; judô; skate; surf; tênis de mesa; voleibol; vôlei de praia e xadrez.  

Jebequinho

Mirins – 10 a 12 anos

Modalidades: atletismo, basquete, futebol, ginástica artística,

handebol, judô, queimada, surf, tênis de mesa, vôlei, xadrez.

ParaJebc

Todas as categorias

Modalidade: atletismo

- Publicidade -
spot_imgspot_img
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -