- Publicidade -
- Publicidade -
21.1 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Santos acorda no segundo tempo, vence o Avaí e assume a ponta da Série B

O Santos venceu o Avaí por 2 a 0 nesta sexta-feira (26), na Ressacada, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro pela série B. Os gols foram de JP Chermont, joia da base, e Furch.

O Santos teve domínio tranquilo na primeira etapa, mas faltou capricho no último passe. Escobar, estreante da noite, foi o responsável por importantes articulações e deixou Morelos na cara do gol. Já Giuliano deixou a desejar no dinamismo do meio-campo. Na etapa final, o Peixe sofreu certa pressão do Avaí por conta dos espaços e buracos aproveitados pelo rival. João Paulo evitou dois gols no fim.

O Peixe voltou mais lento para o segundo tempo, mas foi salvo por jogada individual de JP Chermont, que marcou aos 13 minutos. Com o jogo coletivo pouco inspirado, o Menino da Vila chamou a responsabilidade e arriscou de longe. A bola desviou e enganou Igor. Com a vantagem, o time de Carille desacelerou e administrou melhor o resultado. O Avaí assustou na etapa final, mas durou pouco. No fim, Furch marcou para concretizar a vitória

- Publicidade -

Com o resultado, o Santos assume a ponta da tabela, com seis pontos. O Peixe aguarda o resultado dos jogos do Sport e Chapecoense, que têm a mesma pontuação. Sem pontuar no Brasileirão, o Avaí fica em 18º na tabela.

O Santos volta a campo na segunda-feira (6) para enfrentar o Guarani, às 20h, na Vila Belmiro, pela terceira rodada do Brasileirão pela série B.

Já o Avaí enfrenta o Paysandu na sexta-feira (3) às 19h, no estádio Curuzu, na mesma rodada.

O JOGO

O Santos dominou com tranquilidade a primeira etapa, mas faltou capricho e criatividade. O time de Carille teve a bola nos pés a maior parte do tempo e chutou ao gol três vezes com certo perigo.

Escobar, estreante da noite, fez uma boa estreia. O lateral subiu, deu opções, e também voltou para recompor e marcar quando necessário.

O grande problema do Peixe foram os espaços entre as linhas, que dificultou a transição entre o meio-campo e ataque. Com os buracos, o Peixe usou os laterais para atacar e foi agressivo, mas faltou ser efetivo. Giuliano esteve sumido em campo e deixou a desejar na criação. Pituca até tentou ajudar, mas ficou sobrecarregado na marcação.

- Publicidade -

Na reta final, o Avaí teve duas boas chances em uma desatenção do Peixe, mas João Paulo estava ligado. O time de Carille sofreu certa pressão, mas o goleiro ainda evitou gol de seu xará, João, e Pedro Castro.

LANCES IMPORTANTES

Quase! – Aos oito minutos, Gil, após escanteio, por muito pouco não abriu o placar com bonito cabeceio. O goleiro Igor se esticou inteiro para tirar.

De novo! – Em novo escanteio, aos oito minutos, Otero arrisca um lindo chute de longe após sobra, mas Igor novamente evita o gol do Peixe.

Avaí chega – Aos 14 minutos, Pottker recebeu a bola dentro da área e soltou uma bomba. João Paulo conseguiu fazer bonita defesa.

Lá vem o Santos – Escobar, aos 24 minutos, driblou a defesa e chutou firme. Igor, bem posicionado, defendeu.

Por cima! – Em boa criação do Santos, Escobar encontrou Morelos, que foi travado. Na sobra, João Schmidt arriscou chute de longe e passou por cima do gol.

João Paulo! – Aos 37 minutos, João, do Avaí, recebeu pela esquerda, driblou a marcação e chutou forte na direção do goleiro do Peixe, que espalmou.

UUUUH – Aos 39, Pedro Castro cobrou forte escanteio e a bola passou raspando no travessão, mas João Paulo se esticou todo para defender.

Gooool! Aos 13 minutos do segundo tempo, JP Chermont fez jogada individual e arriscou chute de longe. A bola desviou e entrou, sem chances para Igor.

Faltou capricho – Aos 19 minutos do segundo tempo, Morelos driblou a defesa e ficou cara a cara com o goleiro. Com espaço, ele chutou de primeira, de longe, e viu Igor defender com tranquilidade.

Amuleto em ação! – Aos 33 minutos, Furch balançou a rede para concretizar a vitória do Santos.

Estádio: Ressacada, em Florianópolis (SC)

Cartões amarelos: Mário Sergio (AVAÍ) JP Chermont (SAN)

Gols: JP Chermont, aos 13’2T, Furch, aos 33’2T.

AVAÍ

Igor Bohn, Alan Costa, Tiago Pagnussat (Roberto) e Marcos Vinicius; Mário Sergio, Judson (Maranhão), Pedro Castro, Giovanni (Pedrinho) e João Paulo (Jean Lucas); William Pottker (Garcez) e Poveda. T.: Eduardo Barroca

SANTOS

João Paulo; JP Chermont (Rodrigo Ferreira), Gil, Joaquim e Escobar; João Schmidt, Pituca e Giuliano; Otero (Patati), Guilherme e Morelos (Furch). T.: Fabio Carille

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -