- Publicidade -
- Publicidade -
20 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Sem sofrer gol e 100% há um mês: qual segredo do líder inusitado da Série B

(UOL/FOLHAPRESS) – O Novorizontino é líder da Série B graças a uma arrancada que começou há um mês. São seis jogos com 100% de aproveitamento e nenhum gol sofrido. A ascensão do primeiro colocado inesperado é reflexo de muito trabalho e humildade para entender seus limites, na avaliação do próprio.

O QUE ACONTECEU

Ao contrário de seus principais concorrentes no topo, que tem na vaga na elite meta fundamental, o Novorizontino tem como objetivo evitar a queda para Série C e pretende atingir a pontuação para isso o quanto antes.

- Publicidade -

Surpreendendo até a si mesmo, o time paulista que conquistou o acesso para elite estadual no primeiro semestre ocupa a primeira colocação na tabela, com 26 pontos, graças a uma sequência impressionante.

São seis vitórias consecutivas, contra Ituano, Avaí, Ceará, ABC, Guarani e Sampaio Corrêa. Neste período o time marcou 10 gols e não sofreu nenhum, estabelecendo recorde na história do clube.

São 567 minutos sem a meta do goleiro Jordi ser vazada. O último gol sofrido pelo Novorizontino foi aos 18 minutos do segundo tempo do duelo com o CRB.

Em campo, o destaque da equipe tem sido o atacante Aylon, autor de três dos dez gols na sequência invicta.

“Isso é muito importante, mostra a consistência da nossa equipe. É um momento importante de trabalho que todos alcançaram. Ainda tem muito campeonato pela frente. A gente trabalha no esporte para bater recordes. É importante para história do clube, pois são seis vitórias seguidas, sem tomar gols”, afirmou

Eduardo Baptista, técnico do time.

E QUAL O SEGREDO?

- Publicidade -

Para o executivo de futebol, Michel Alves, o segredo está no empenho durante as atividades e, principalmente, em saber exatamente quais são as metas e as necessidades do time.

A humildade de entender a competição e a necessidade de cada partida catapultou o time ao topo. E mesmo lá o cenário não se altera e o alvo está na permanência na Série B.

“Ninguém vai nos dar nada de mão beijada. É através de muito trabalho, esforço, com muita renúncia. Não só os atletas, mas o clube entendeu que é preciso fazermos muito mais para buscarmos o êxito. Tivemos o retorno à elite do Campeonato Paulista no primeiro semestre, que era o objetivo maior, e agora não ganhamos absolutamente nada, mas temos uma pontuação muito interessante. Nosso objetivo é bater os 45 pontos o quanto antes para tirar qualquer possibilidade de queda, haja vista o que o clube passou em 2022 [acabou em 16º]. Não tem segredo, é trabalho duro, disposição, entrega, reconhecer o nosso tamanho, entender a competição. Não teremos adversários fáceis, mas ao mesmo tempo o adversário vai ter no Novorizontino um oponente dedicado, comprometido e humilde. É personalidade para jogar e humildade para correr”, afirmou Michel Alves.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -