- Publicidade -
- Publicidade -
17.8 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Festa da Tainha do Estaleiro começou nesta sexta em espaço triplicado com boa comida, música e surpresas

Quatro mil tainhas estarão à venda nos três dias da festa

A 11ª edição da Festa da Tainha, que começou nesta sexta-feira (5) e só termina no domingo (7) vem com muitas novidades: o espaço da festa triplicou de tamanho, as tendas gastronômicas aumentaram e diversificaram, o palco ficou bem maior, haverá uma dezena de câmeras de segurança espalhadas e internet gratuita, tudo em uma área coberta com quase mil metros quadrados, com mesas e cadeiras e Espaço Kids.

Laurindo Ramos (Divulgação/FCBC)

Quem organiza a festa é a Associação de Moradores do Estaleiro, hoje presidida por Laurindo Ramos. Ele disse que a festa cresceu de tamanho, mas a proposta e os objetivos continuam os mesmos: uma confraternização entre moradores do bairro com a população de Balneário Camboriú e região, principalmente neste retorno após dois anos de pandemia.

“Desde a primeira festa, no mandato do ex-presidente Marilson Santos, do seu Valdir do Mercadinho e outros moradores, o dinheiro arrecadado era utilizado para construção da Base, para fazer festas para as crianças, Natal, mas o mais importante sempre foi a confraternização. Este ano não será diferente, sabemos que tudo aumentou muito, gastamos quase um terço da festa com pagamento de alvarás, mas a verba que for arrecadada ajudará o balé das crianças do ‘Estaleiro em Dança’, o ‘Estaleiro da Arte’ com seus artesanato, o Natal das crianças e quem sabe até ajudará a planejar um Festival de Verão”, disse Laurindo.

Quatro mil tainhas à venda

(Divulgação/FCBC)
- Publicidade -

A gastronomia bem diversificada terá a tainha como ‘carro-chefe’. Segundo Laurindo, quatro mil tainhas estarão à venda. 

Além do peixe, haverá churrasco (mil filés duplos), pinhão, pastel, quentão, pipoca, doces, cervejas e até algumas especiais.

A safra de pesca da tainha terminou no domingo (31), mas por causa do grande número de eventos em julho, mês de comemoração dos 58 anos de Balneário Camboriú, a Associação decidiu programar a festa no início de agosto, mas Laurindo adiantou que vai sugerir ao prefeito que a festa seja realizada sempre no último final de semana de agosto. 

Atrações turísticas

No palco várias atrações programadas: música, dança, arte circense. Também haverá exposição e venda de artesanato do grupo Estaleiro da Arte, além de uma oficina de elementos da cultura popular em argila.

- Publicidade -

A festa é promovida pela Associação dos Moradores do Estaleiro (AME), com apoio da Fundação Cultural de Balneário Camboriú e Secretaria de Turismo do município.

Com entrada gratuita, a festa será na Rodovia Interpraias, esquina com a Rua Domingos Fonseca. A abertura será na sexta-feira (5), às 18h30, no sábado e domingo começa às 10h30 e segue até meia noite.

Programação

Dia 5 (sexta-feira)

  • 18h30: Abertura
  • 18h30: Música com Vilson Lopes
  • 20h30: Banda Zanon Brothers
  • 22h30: Serginho Corrêa – Trio Rock
- Publicidade -

Dia 6 (sábado)

  • 10h30: Abertura
  • 11h: As Mareadas
  • 13h: Trancão de Baile
  • 15h: Ballet Estaleiro
  • 17h: Banda Santa Mente
  • 19h: Brothers Band
  • 19h40: Abertura oficial com presença de autoridades
  • 20h: Osmar Fernandes
  • 22h: Pierre Zafinn e Banda

Dia 7 (domingo)

  • 10h30: Abertura
  • 11h30: Música com Diogo Rosa
  • 13h30: André Luis e Grupo
  • 16h: Apresentação circense com Gabriel Menin Soares e grupo
  • 17h: Pampa Rock
  • 19h: Música com Nelsinho Fabri
  • 21h: Cerimônia de encerramento
  • 21h: Banda Legião Gaúcha

Mudanças no trânsito

Para instalar a estrutura da festa, são necessárias algumas alterações no trânsito, que começaram nesta quarta-feira (3). 

O trânsito entre as Ruas Napoleão Vieira e Antonio Torquato, foi desviado. 

Quem vier pela Interpraias sentido Estaleirinho vai acessar a Rua Napoleão Vieira e, em seguida, nas Ruas Domingos Mafra e Antonio Torquato para continuar o caminho. 

Quem segue pela mesma rodovia, no sentido Praia do Pinho, terá que acessar a Rua Vergílio Rodrigues Pereira, em seguida a Rua da Praia e Rua Napoleão Vieira para então retornar à rodovia. 

As alterações permanecerão assim até a próxima terça-feira (9), tempo necessário para o desmonte das estruturas após a festa. 

Os agentes de trânsito farão o monitoramento do local e, durante todos os dias de festa, estarão presentes para manterem a segurança e fluidez do tráfego. 

Ocorrências podem ser registradas via Central 153.

- Publicidade -
spot_imgspot_img
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -