- Publicidade -
- Publicidade -
18.2 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Univali organiza 1ª Feira de Acolhimento e Hospitalidade ao Migrante

Entidades, empresas e órgãos públicos podem ser parceiros do evento que acontece em junho, em Balneário Camboriú

A Universidade do Vale do Itajaí  está organizando a 1ª Feira de Acolhimento e Hospitalidade ao Migrante, no dia 29 de junho, no campus Balneário Camboriú. Neste dia vai ofertar aos migrantes da região uma série de atividades e serviços gratuitos. 

A programação vai envolveos diversos Programas de Pós-graduação Stricto Sensu da Universidade e a participação da instituição beneficente Círculos de Hospitalidade.

O professor Rafael Padilha, coordenador do Núcleo de Apoio ao Migrante – NAM e do Mestrado em Direito das Migrações Transnacionais, afirma que estão previstas ações de regularização documental, empregabilidade, estandes com informações sobre temas como educação financeira e saúde da família, espaço infantil e de acolhimento psicológico, capacitação de migrantes e da comunidade escolar, entre outros.

- Publicidade -

“Além do envolvimento dos nossos professores e alunos dos cursos de mestrado e doutorado, também estamos convidando entidades, órgãos públicos e empresas interessadas em contribuir para a inserção da comunidade de migrantes no mercado de trabalho e demais áreas, como saúde, educação e assistência social. O evento vai ser realizado em Balneário Camboriú, mas também abrange os municípios vizinhos, que estão convidados a participar.”, afirma o docente.

Saiba mais

Padilha explica que a Feira acontece no contexto do Programa de Extensão da Educação Superior na Pós-Graduação (Proext-PG), com apoio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Capes, vinculada ao Ministério da Educação.

O professor reitera que a mobilização visa a promoção de atividades de prestação de serviços de cidadania e atendimento a migrantes, de modo especializado e gratuito, com ações de natureza jurídica, social, laboral, cultural, educacional e de saúde. 

“Nesta Feira teremos o envolvimento dos 12 Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu da Univali cobrindo especialmente os migrantes em situação de vulnerabilidade, identificando suas principais demandas e solucionando as problemáticas encontradas.”, acrescenta.

O público interessado em atuar como parceiro na 1ª Feira de Acolhimento e Hospitalidade ao Migrante deve entrar em contato pelo e-mail [email protected].

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -