- Publicidade -
16.4 C
Balneário Camboriú

Como aprender a dirigir um veículo novo

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Você acabou de comprar um carro 0 km Fiat, por exemplo, mas percebeu que sempre há acessórios novos ou diferentes que em um veículo usado não estão –ou você nunca teve carro e esta é a sua primeira experiência! Então, muito cuidado com cada detalhe, muita paciência e, principalmente, muita atenção para poder descobrir onde está cada botão, para que serve cada peça e como fazer para que o carro continue se comportando como novo!

É muito difícil, praticamente impossível, descobrir para que serve cada coisa nos carros da Fiat ou de qualquer outra marca, enquanto você está dirigindo. Se familiarizar com um veículo novo leva o seu tempo e por isso insistimos com a calma, a paciência e a atenção. Afinal de contas, com certeza você acabará encontrando e compreendendo cada comando do seu carro novo.

- Publicidade -

Em primeiro lugar, é necessário que você se sinta à vontade no seu novo carro, você deve se sentir confortável antes de se aventurar em uma estrada dirigindo a alta velocidade. é necessário mexer nos espelhos, controlar a altura do banco, o funcionamento das luzes, o cinto de segurança…

Se você acaba de aproveitar, por exemplo, as ofertas Fiat e já conseguiu ter na garagem o seu primeiro carro novo, preste muita atenção às seguintes dicas para aprender a dirigir um veículo novo:

Não saturar o motor

  • Dirija bem devagar durante aproximadamente 10 minutos. Permita que o motor do seu novo Fiat relaxe para poder alcançar o seu máximo rendimento mais rapidamente. Quando você puder, dirija o carro pelo seu bairro com tranquilidade e só depois de um tempinho entre em uma avenida ou rodovia. Desse modo você evitará exigir muito do motor ou dos freios. Continue fazendo isso durante os primeiros 1.600 quilômetros. Esse hábito de esquentar o motor com uma direção tranquila continua sendo a melhor dica para cuidar do motor.
  • Por incrível que possa parecer, ficar preso no transito é bom para um veículo 0 km. Avançando e freando frequentemente durante um tempo, ajuda a polir as ásperas bordas dos freios e outras peças do motor. Isso é bom durante os primeiros 1.600 quilômetros. Depois disso, procure evitar os engarrafamentos!
  • Evite ter que frear de repente estando em alta velocidade. Os freios devem ser acionados sempre com muita suavidade. Dirigindo normalmente, os freios irão se desgastar uniformemente. Tente não pisar o pedal de freio desnecessariamente durante os primeiros 160 a 320 quilômetros. Se você já teve ou dirigiu outro carro, com certeza notará a diferença entre os freios desse carro e os freios dos carros Fiat novos, por exemplo.
  • É permitido você experimentar a potência do seu carro novo. No entanto, não exagere na velocidade. Sempre dirija com cuidado, respeitando os limites de velocidade.
  • Troque o óleo depois dos primeiros 1.600 quilômetros. É verdade que há carros calibrados para funcionarem por mais de uns 10 mil quilômetros antes de uma troca de óleo. No entanto, podem surgir lascas metálicas no óleo velho, e é conveniente trocar o óleo para que esses resíduos não aumentem.

Como se habituar a um veículo 0 km

  • Tendo um carro novo, sente na frente do volante e perceba esse novo espaço. Ligue o rádio, ajuste o banco do motorista para uma melhor visibilidade e conforto, ligue o ar condicionado, faça um teste com todas as luzes, suba e desça as janelas e ajuste todos os espelhos.
  • Enquanto estiver dentro do carro, consulte o manual para saber como funciona corretamente cada acessório. Não adianta só olhar os acessórios: você precisa saber por que motivo estão aí, como funcionam, para que servem. Procure saber isso tudo logo na primeira vez que entrar no carro, antes de sair dirigindo pelo seu bairro, para facilitar essa experiência e conseguir dirigir com segurança.
  • Antes de sair para a rua dirigindo o seu 0 km, verifique os pneus. Evidentemente que são novos, mas você precisa verificar a pressão neles, que deve ser a indicada no manual. É normal que, saindo da concessionaria, os pneus estejam com uma calibragem um pouco menor. Por isso, dirija com cuidado, não em alta velocidade. Não freie bruscamente e vá para um posto de gasolina para colocar a pressão correta.
- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -