- Publicidade -
- Publicidade -
27.8 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Nova etapa da dragagem do Rio Marambaia deve iniciar em abril

A próxima etapa da dragagem do Rio Marambaia está prevista para iniciar em abril. A Empresa Municipal de Água e Saneamento de Balneário Camboriú (Emasa) quer dragar pelo menos mais 1.800 metros cúbicos (até agora, foram retirados 6 mil metros cúbicos), até a foz do rio, pela Rua Osmar de Souza Nunes, no Bairro dos Pioneiros.

O diretor da Emasa, Douglas Beber, conta que o contrato foi aditivado para fazer esta etapa. O serviço foi parado no fim de 2022 e retornará em abril. 

“Estamos esperando a Celesc. Fizemos um pedido para eles porque a etapa final, para podermos executar, precisa mudar a fiação da Rua Osmar de Souza Nunes – tem que deslocar a fiação. Fizemos o pedido há algum tempo, fizemos o pagamento e estamos esperando o cronograma deles. Está tudo ajustado, a Celesc ainda não falou quando será feito, mas não deverá demorar mais que 30 dias e então em abril devemos começar a dragagem, ao menos essa é a expectativa”, diz.

- Publicidade -

Douglas disse que o serviço foi paralisado no final do ano porque no verão não poderiam trabalhar, mas que agora retornarão para completar a dragagem. 

“Vamos fazer a etapa final. Percebemos que a limpeza que foi feita, mesmo não tendo sido concluída, teve um bom resultado. Eu não recebi nenhuma notícia referente àquela mancha preta que ia para o mar antes, que era o lodo. Ou seja, isso significa que os 6 mil metros cúbicos retirados deu uma melhorada no ambiente. Depois iremos avaliar se precisamos fazer mais alguma intervenção, tudo isso no lado externo do Rio Marambaia”, acrescenta.

Limpeza das galerias também deve acontecer

O ‘lado externo’ que o diretor da Emasa cita é a parte visível do rio. Porém, as galerias que passam por baixo dos prédios também estão no radar da prefeitura. O Rio Marambaia corta toda a cidade e vai até a Rua 2.500. 

“O que queremos fazer é, ao longo deste ano, ver empresas que podem fazer a limpeza nas galerias, embaixo dos prédios, porque com a enxurrada esse material chega no rio. Inclusive a chuvarada deve ter trazido material e se acumulado onde tiramos, por isso há o entendimento que é essencial fazer a limpeza nas galerias. Gostaria de reafirmar o compromisso que foi assumido pela administração do prefeito Fabrício Oliveira, tanto que estamos fazendo ações de correção de ligações irregulares, aplicando multas, fiscalizando, investindo esforços para recuperar o Rio Marambaia e para isso , depende também das pessoas estarem com a sua ligação regularizada”, completa.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -