- Publicidade -
- Publicidade -
16.7 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Palhaça Cachaça lança série de vídeos com temática sobre mulheres na ciência, pelo canal do YouTube

(Nane Pereira) – Audiovisual, palhaçaria, experimentação artística, e o feminino no mercado dos sonhos e das realizações. A partir do dia 28 de junho, a artista Palhaça Cachaça (interpretada pela atriz Márcia Gonzaga) lança uma série com quatro episódios do projeto Palhaçaria Científica: Mulheres Na Ciência, processo experimental de criação de espetáculo em vídeo, envolvendo uma palhaça, que debate o sexismo na ciência, por meio de alguns tópicos como misoginia, invisibilização das mulheres, e o trato da própria ciência. O primeiro episódio será liberado no dia 28 de junho; o segundo, no dia 5 de julho, pelo canal www.youtube.com/@PalhacaCachaca. Os dois próximos episódios da série estão em produção e devem ser publicados ainda em julho pelo mesmo canal.

“O objetivo central da série é debater o sexismo na Ciência por meio do riso para o público jovem, em idade escolar”, afirma a atriz Márcia Gonzaga. “Nessa experimentação proposta, a ideia é de trazer a ciência não somente como estilo visual de encenação e sim como discurso a ser debatido no campo da construção de gênero das mulheres, partindo da educação escolar, social e familiar: quais habilidades são estimuladas nas meninas quando crianças? Quais são as profissões mais esperadas de uma menina?”, questiona Márcia.

“A linguagem da palhaçaria vem como um condutor que propõe esse debate de forma lúdica, leve e crítica. A Palhaça Cachaça como atuadora do trabalho experimental se torna uma bandeira viva, de uma mulher que sonhou em ser cientista quando criança e virou palhaça. E também pelo contato do público de uma palhaça mulher, que já carrega questões sexistas na própria palhaçaria, uma arte historicamente protagonizada por homens”, conclui a atriz.

- Publicidade -

Marcia Gonzaga nasceu em Santos, São Paulo, é idealizadora e proponente do projeto, e pesquisa a palhaçaria desde 2016, ano em que veio morar em Santa Catarina, para fazer mestrado na UDESC em Florianópolis, e, estudar na Escola de Palhaços do Circo da Dona Bilica. Sua pesquisa acadêmica aborda a comicidade de mulheres, envolvendo a bufonaria e a palhaçaria. Em 2018, então, surge a Palhaça Cachaça, no espetáculo Manicômicas, dirigido por Karla Concá (RJ), apresentado em vários pontos da cidade e na sua residência, o qual serviu como espaço cultural e artístico (Morada Cênica).

O projeto Palhaçaria Científica: Mulheres Na Ciência é contemplado pela Lei Paulo Gustavo D+ Áreas, SC/2023, da Fundação Catarinense de Cultura. Como contrapartida social, o projeto ainda irá apresentar duas experimentações cênicas presenciais em duas escolas públicas de Ensino Fundamental II e Médio, em Gaspar e, ou, Blumenau. Acompanhe as novidades pelo www.instagram.com/palhacacachaca  

SERVIÇO
Série Palhaçaria Científica: Mulheres Na Ciência, por Márcia Gonzaga
Pelo canal www.youtube.com/@PalhacaCachaca
Duração: de 3 a 7 minutos, cada.

FICHA TÉCNICA
Palhaça e produtora executiva: Márcia Gonzaga de Jesus Freire
Orientação e direção artística: Ana Acácia Schwarz Schuler
Fotografia e vídeo: Ruth Rodrigues
Audiodescritora: Mara Rubian Matteussi Garcia Kortelt
Divulgação cultural/AI: Nane Pereira Comunicação e Arte.


Para receber notícias do Página 3 por whatsapp, acesse este link, clique aqui




- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -