- Publicidade -
- Publicidade -
17 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

‘Se Liga na Rede’ descobre mais dois esgotos irregulares

Através de fiscalização de rotina, nesta quarta-feira(2), a equipe do Programa Se Liga na Rede, da Empresa Municipal de Água e Saneamento (Emasa), flagrou dois imóveis na Rua Pedro Pinto Corrêa, no Bairro da Barra, despejando esgoto no Canal que passa nos fundos das casas. 

Em um dos imóveis, todo o esgoto da casa estava com as ligações irregulares e caindo no ribeirão. 

- Publicidade -

“Neste caso, como a canalização que caía no canal estava quebrada, o lacre foi feito na saída de água no hidrômetro e aplicado auto de infração com multa de 10 UFM e cinco dias para regularizar a situação”, explica a fiscal Sanitarista Beatriz Nunes.

O segundo imóvel na mesma rua, estava com a conexão da pia do banheiro, o chuveiro e a máquina de lavar em uma tubulação que caía no ribeirão. 

Foi feito o lacre da ligação irregular na própria canalização e também emitido auto de infração com multa de 10 UFM e cinco dias para regularizar.

Rede implantada

Em 2021, a Emasa implantou uma rede coletora suspensa nos fundos das casas da Rua Pedro Pinto Corrêa, justamente para solucionar o problema de esgoto irregular que caía no Canal. Foram cerca de 250m de rede para atender 26 unidades autônomas. 

- Publicidade -

“Desde o dia 15 de abril do ano passado, foram entregues as notificações orientando sobre as ligações e passados todos esses meses, ainda encontramos imóveis que não fizeram a conexão”, lamentou o diretor-geral da Emasa, Douglas Costa Beber.

Ele reforçou que o cuidado com o meio ambiente, e a despoluição das águas não depende apenas do poder público, mas também da conscientização e apoio de toda sociedade.

O programa

O Programa Se Liga na Rede verifica a situação das ligações hidrossanitárias em toda a cidade, através de teste de fumaça e lançamento de corantes na rede de esgoto. 

- Publicidade -

Desde 2017, as fiscalizações foram intensificadas e em 2018, a Emasa começou a lacrar as ligações irregulares de esgoto, principalmente na região da Bacia do Marambaia, sendo uma das ações para a revitalização do Rio.

Desde a sua criação até dezembro de 2021, o programa realizou mais de 76 mil vistorias e mais de 100 lacres em diferentes imóveis, totalizando cerca de 500 unidades consumidoras, referentes ao lançamento irregular de esgoto sanitário ao meio ambiente. 

Atualmente, cerca de 6 mil imóveis (18,56%), estão com alguma irregularidade e prazo para se adequarem. A maior incidência é nos bairros das Nações e Centro.

Os moradores que precisarem verificar as ligações dos seus imóveis ou tiverem seus esgotos lacrados podem procurar a Emasa para se regularizar. 

Dúvidas e informações pelos Canais de Atendimento – SAC: 0800 643-6272; Fala EMASA – Whatsapp: (47) 3261-0000; Protocolo eletrônico: emasa.1doc.com.br/atendimento ou e-mail: [email protected]

Fonte: Assessoria Comunicação/Emasa

- Publicidade -
spot_imgspot_img
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
%d blogueiros gostam disto: