- Publicidade -
19.7 C
Balneário Camboriú

Entidades e forças da segurança lançam projeto ‘Adote uma câmera’ e pedem apoio do empresariado

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Diversas entidades de classe de Balneário Camboriú se reuniram com as polícias Militar e Civil e com o secretário de Segurança da cidade, Antônio Gabriel Castanheira Junior, na quarta-feira (10), para discutir o projeto ‘Adote uma câmera’. 

O objetivo é auxiliar as forças da segurança a adquirirem câmeras com tecnologia de inteligência artificial, para construírem a ‘cerca digital’ na cidade.

Intenção é adquirir 40 câmeras

- Publicidade -

O presidente do Conselho Comunitário de Segurança de Balneário Camboriú (CONSEG/BC), Valdir de Andrade, explicou ao Página 3 que a reunião serviu para oficializar o programa Adote uma câmera.

As câmeras vêm sendo bastante citadas pelo secretário de Segurança da cidade, Antônio Gabriel Castanheira Junior. Ele defende que os equipamentos auxiliariam a investigar crimes, já que conseguem identificar rostos, atitudes (se a pessoa passa várias vezes por um mesmo lugar ou, por exemplo, um suspeito que está utilizando camiseta vermelha e teria sido visto pelo centro da cidade) e placas de veículos.

Cada câmera custa R$ 600/mês

O objetivo é que empresas e/ou empresários da cidade apoiem a causa, sem ônus para as forças de segurança. Inicialmente entendem que é mais viável alugar as câmeras. A locação de cada uma custa R$ 600,00/mês – é daí que vem a ideia do ‘Adote uma câmera’, incentivando que o empresariado local contribua com o projeto. 

“De imediato já temos três câmeras [duas doadas pelo empresário Nivaldo Pinheiro, da Procave, e uma pela hoteleira Dirce Fistarol], mas a intenção é chegar a 40. Esse projeto já está na rua e foi incluído em nosso Plano Municipal de Segurança”, diz Valdir. 

- Publicidade -

Essa tecnologia também está presente nos totens, que são cerca de 10, além de seis que estão na região do Rio Camboriú e três que serão instaladas pela Secretaria de Segurança.

Interessados em apoiar o projeto podem entrar em contato com o presidente do CONSEG/BC, Valdir de Andrade, pelo fone/WhatsApp: (47) 9.9983-6073.


Quem participou

Além de Valdir, estiveram na reunião a presidente do Balneário Camboriú Convention & Visitors Bureau, Margot Rosenbrock Libório e a executiva da entidade, Adriana Both de Pin, a hoteleira Dirce Fistarol e o presidente do Conselho Municipal de Turismo (COMTUR), Osny Maciel Junior, Helder Vieira, do Sindilojas (Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista de Balneário Camboriú e Camboriú), o secretário Castanheira, o comandante da PM de Balneário, Tenente-Coronel Daniel Nunes da Silva, o delegado Vicente Soares e o empresário Alexsandro Fernandes, da empresa Protenet Soluções em Segurança.

- Publicidade -

Jornal Página 3 nas redes

39,752FãsCurtir
18,100SeguidoresSeguir
6,507SeguidoresSeguir
12,000InscritosInscrever
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -