- Publicidade -
- Publicidade -
22.1 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Projeto para implantação de ecobarreiras no Rio Camboriú foi aprovado

O projeto 70/2023 do vereador John Lenon Teodoro (União Brasil) foi aprovado na sessão desta terça-feira (21), estabelecendo medidas para a implantação de ecobarreiras ao longo do Rio Camboriú. 

O principal objetivo é promover a coleta e a contenção ecológica de resíduos sólidos flutuantes, visando à preservação do ecossistema fluvial e à prevenção de enchentes e alagamentos na região.

“As ecobarreiras desempenham um papel fundamental na proteção do meio ambiente, com a função principal voltada para contenção de resíduos sólidos como, plásticos, garrafas e demais objetos que são descartados de maneira incorreta”, disse Lenon.

As ecobarreiras são uma solução de baixo custo para reter resíduos flutuantes em pontos estratégicos (Divulgação/Assessoria Parlamentar)

Além da aprovação deste projeto que segue para a sanção do prefeito, o vereador também apresentou na sessão uma proposição solicitando o desassoreamento do rio, visando à remoção de sedimentos acumulados, como areia, terra, galhos, troncos de árvores e outros detritos, que contribuem para o bloqueio do leito fluvial e aumentam o risco de enchentes e alagamentos.

“O desassoreamento previne enchentes e alagamentos e também contribui para a preservação, mantendo a qualidade da água e sua oxigenação”, justificou Lenon.

- Publicidade -

Por fim, o vereador solicitou a implementação de um Programa Municipal de Preservação do Rio Camboriú. 

“Entendo que se faz necessário uma política pública permanente, através de um programa para proteger as nascentes do rio, bem como promover a limpeza e a desocupação das margens, visando à conservação do ecossistema e à prevenção da poluição”, acrescentou o vereador.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -