- Publicidade -
15.4 C
Balneário Camboriú

Encontrado morto em hotel de Balneário Camboriú é acusado de golpe de R$ 30 milhões

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -


O homem encontrado morto na última semana, no Mar Hotel, na Rua 701, centro de Balneário Camboriú, foi identificado como Thiago Troncoso, 39 anos, natural de Catanduva/SP. Ele é acusado de aplicar um golpe de R$ 30 milhões através de um esquema de pirâmide financeira.

Ele respondia a mais de 100 processos no Tribunal de Justiça de São Paulo.

Segundo a Polícia Civil, a esposa de Thiago informou que estava aguardando ele tomar banho, mas notou que o chuveiro não estava ligado e quando foi ver o que poderia ter acontecido, encontrou o marido com um cinto no pescoço.

Ela pediu ajuda para a recepção do Mar Hotel, mas o marido morreu e o caso foi registrado como suicídio.

- Publicidade -

O homem vendia desde 2019 supostos pacotes de investimentos intitulados de Rota 33, junto com quatro sócios – todos de Catanduva.

No final daquele ano, o grupo parou de pagar os investidores, cerca de 700 pessoas, um prejuízo que ultrapassaria R$ 30 milhões.

- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -