- Publicidade -
- Publicidade -
21.1 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Homem matou a esposa com facadas, em Camboriú

Um homem de 32 anos, identificado como J.B., que estava em liberdade provisória desde julho do ano passado (o crime ao qual ele respondia não foi informado), foi preso no sábado (4) após matar a companheira, Edna Santos, de 46 anos, na casa onde residia com ela, na Rua Monte Fuji, no Bairro Monte Alegre, em Camboriú.

Segundo a Polícia Militar, policiais em rondas pelo Bairro dos Municípios, em Balneário Camboriú, ouviram pela rede de rádio da PM que havia ocorrido um feminicídio na Rua Monte Fuji, no Bairro Monte Alegre, em Camboriú, e que o suspeito, com as roupas sujas de sangue, estaria fugindo de bicicleta.

Os policiais foram para o Bairro Tabuleiro, em Camboriú, acessando a Rua Guaraparim e próximo à Rua Cerejeira, no mesmo bairro, viram um homem de bicicleta, vindo do Monte Alegre, com camiseta cinza, com sangue escorrendo das mãos e com as calças manchadas de sangue, características semelhantes às repassadas. O homem foi abordado. Com ele, foram encontrados dois celulares sujos de sangue.

- Publicidade -

Os PMs confirmaram a identidade do homem. Ao mesmo tempo, outra equipe de policiais foi até a Rua Monte Fuji, onde encontraram Edna, de 46 anos, caída no chão, com várias perfurações no corpo causadas por faca. A polícia informou que ela perdeu muito sangue. Nesse momento ela ainda estava viva, mas faleceu enquanto era atendida pelo SAMU.

A arma do crime foi encontrada ao lado de Edna – uma faca com a lâmina quebrada, possivelmente por conta da força empregada pelo homem quando a atacou. O homem foi preso em flagrante por feminicídio.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -