- Publicidade -
- Publicidade -
26.7 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Jovem morto a pedradas em Balneário Camboriú morava nas ruas desde 2020

O jovem morto a pedradas, no final de semana (18), na Praia Central de Balneário Camboriú, foi identificado como Reinan Ferreira dos Santos, de 20 anos. Ele era da Bahia.

Reinan era usuário de drogas e morava nas ruas de Balneário Camboriú desde 2020 – quando tinha 18 anos. Ele foi acolhido diversas vezes pela Abordagem Social, setor da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social da cidade, responsável pela abordagem de pessoas em situação de rua. Só em 2020 foram 16 acolhimentos, em 2021 foram 19, em 2022 mais 14 e neste ano cinco vezes.

A prefeitura informou que o contato com Reinan era mais focado quando ele precisava de algo para comer ou quando queria tomar banho. Ele nunca aceitou tratar a sua dependência em drogas.

- Publicidade -

Ele foi morto por volta de 3h de sábado, por outro morador de rua, também de 20 anos, que foi preso em seguida pela Guarda Municipal, na Avenida Atlântica, esquina com a Rua 1.901.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -