- Publicidade -
- Publicidade -
23 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Claudir Maciel em novo partido e como pré-candidato à prefeitura de Balneário: “Jornada grande pela frente”

O empresário Claudir Maciel é figura conhecida na política de Balneário Camboriú – ele foi vereador por cinco vezes (na primeira como suplente e chegou a presidir o Legislativo da cidade) e agora retorna de olho ‘nos altos da Dinamarca’. 

Ele se filiou ao União Brasil nesta semana e diz que está ‘com muita energia’ para o pleito de 2024. 

Além dele, a cidade tem diversos pré-candidatos anunciados, como André Meirinho, Lucas Gotardo, Allan Schroeder, Marcelo Achutti, Juliana Pavan, Nilson Probst, Anderson Santos, David LaBarrica, Carlos Humberto Metzner Silva e Omar Tomalih.

- Publicidade -

Claudir relata que ficou 20 anos em atividades políticas, tendo cinco mandatos na Câmara e ainda tendo sido suplente de deputado estadual, em 2010. 

Nesse período também ocupou cargos na prefeitura, como na Secretaria de Planejamento Urbano, e ainda no Governo Estadual, quando Raimundo Colombo foi governador. 

“Eu tinha acordado em 2016 que seria candidato a prefeito, mas o partido acabou apoiando o atual prefeito, assim como eu também apoiei, mas não quis assumir nenhum cargo. Eu optei desde então por me dedicar a minha família, estudei, mas em cada lugar que vou o assunto é que tenho que voltar e ajudar a cidade”, diz.

Ele disse que tudo que tem é a cidade que proporcionou a ele e que inclusive os quatro filhos nasceram em Balneário. Claudir decidiu entrar em contato com a imprensa e, segundo ele, deu mais de 40 entrevistas, tendo uma recepção muito positiva. 

“Agora consolidei essa filiação no União Brasil para construir essa jornada, também iremos ver a questão dos vereadores e dialogar com forças políticas as quais respeito muito, pois são a representação da sociedade. Será uma jornada grande pela frente, com muito diálogo sobre onde Balneário está hoje”, aponta.

O empresário disse que Balneário Camboriú está em um paradoxo de riqueza extrema, com os prédios mais altos da América do Sul e também com o metro quadrado mais caro, atraindo personalidades como Neymar e Cristiano Ronaldo, mas que, entretanto, a maioria dos moradores da cidade só assistem essa riqueza. 

“Quem quer comprar um apartamento em Balneário precisa desembolsar no mínimo R$ 800 mil e a maioria dos moradores que aqui vivem e nos ajudaram a construir essa cidade, não têm condições e precisam ir embora da cidade se querem comprar um imóvel. Vejo que uma cidade onde a pobreza é escancarada é um problema, mas o contrário também – com a riqueza ostentada. Precisamos investir em inclusão social, melhorar a saúde, mais investimento na educação pública, porque a nossa é ruim – estamos na posição 329 de 400 municípios”, acrescenta.

- Publicidade -

Ele sugere ainda programas de habitação para jovens fazerem investimento para conseguirem morar em Balneário e ainda a necessidade de pensar em uma nova economia, além da construção civil.

Claudir diz que quer debater com a comunidade e levar a discussão para as pessoas entenderem que tudo o que acontecer no futuro é fruto de decisões do agora. 

“Estou bem entusiasmado. Sei que exige energia para conseguir se dedicar e eu estou com muita energia para me dedicar à campanha eleitoral do ano que vem”, completa.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -