- Publicidade -
- Publicidade -
18.3 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Comitiva da Amfri apresentou projeto de mobilidade integrada ao governador eleito

O governador eleito Jorginho Mello conheceu nesta sexta-feira (11) o projeto de mobilidade integrada e sustentável da região da Amfri (Promobis/Amfri), que prefeitos em conjunto com o Banco Mundial estão desenvolvendo e que prevê utilização de ônibus elétricos e a construção de um túnel submerso sob o Rio Itajaí Açu.

O prefeito de Balneário Camboriú Fabrício Oliveira participou do encontro, liderado pelo presidente do Banco para o Brasil, Johannes Zutt. 

“Esta reunião com o governador, o presidente do Banco Mundial para o Brasil e membros da missão é mais um passo importante para a concretização deste projeto pioneiro”, declarou Fabrício.

- Publicidade -

Ele destacou que o projeto que tem por objetivo melhorias na mobilidade e infra-estrutura da região, também representa uma inovação da parceria entre municípios com instituições importantes como o Banco Mundial.

“É um modelo que poderá ser adotado para projetos em todo o Estado”, completa o prefeito.

Visitas técnicas

Após a Missão Técnica Institucional visando continuidade da estruturação do projeto nesta quinta e sexta-feira (10 e 11), uma comitiva composta por prefeitos e técnicos da Amfri, juntamente com a diretoria do Banco Mundial, realiza visitas técnicas em São José dos Campos (SP), Santiago do Chile (Chile) e Santa Fé (Argentina), entre os dias 14 e 19 deste mês, para conhecer e avaliar soluções similares já adotadas por estas cidades. 

A comitiva será composta pelo Presidente da associação, do CIM-AMFRI e Prefeito de Penha, Aquiles da Costa e pelos prefeitos Elcio Rogério Kuhnen, de Camboriú, Libardoni Fronza (Liba), de Navegantes e Marcos Pedro Veber de Luiz Alves, pelo Engenheiro e Diretor de Planejamento e Gestão Orçamentária de Balneário Camboriú, Toni Fausto Frainer, representando o Prefeito Fabrício Oliveira, o Chefe de Gabinete de Itajaí, Giovani Alberto Testoni, representando o prefeito em exercício, Marcelo Sodré, além do Diretor Executivo do CIM-AMFRI, João Luiz Demantova, do Secretário Executivo da AMFRI, Ademar Henrique Borges, e do Diretor Financeiro do CIM-AMFRI, Jaylon Jander Cordeiro da Silva.

O projeto 

O Promobis é um projeto pioneiro no Brasil, pela proposta de gestão consorciada, composto por três grandes iniciativas que podem mudar o futuro da região para melhor: um Sistema de Transporte Coletivo Regional – que vai integrar e interligar os 11 municípios da AMFRI com veículos elétricos e reurbanização de vias; o Túnel Imerso entre Itajaí e Navegantes; e a Mobilidade Ativa em Balneário Camboriú, por meio do Programa Caminhos do Mar.

Ao todo, serão investidos US$ 120 milhões com recursos públicos, sendo US$ 90 milhões provenientes do Banco Mundial (BIRD) e US$ 30 milhões da contrapartida do financiamento, podendo ser amortizados em até 25 anos. Já os investimentos privados, considerando o Sistema de Transporte Coletivo/AMFRI e o Túnel Imerso, deverão ultrapassar a casa dos US$ 240 milhões.

 Texto: Comunicação/PMBC e Assessoria Comunicação/Amfri

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -