- Publicidade -
- Publicidade -
15 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Redução de 50% no salário do prefeito, vereadores e cargos de confiança será discutida nessa terça-feira (20) na Câmara de Balneário Camboriú

Os vereadores de Balneário Camboriú discutirão, nesta terça-feira, projeto de Marcelo Achutti, com emenda de Elizeu Pereira, que reduz em 50%, pelo prazo de quatro meses, os salários do prefeito, vice-prefeito, vereadores, secretários, diretores de autarquias e superintendentes de fundações.

Achutti propôs inicialmente 30% de redução nos salários, pelo prazo de 60 dias, como forma de ajudar os cofres públicos na pandemia, mas Elizeu ampliou a proposta, para 50% e quatro meses.

A Assessoria Jurídica da Câmara emitiu duvidoso parecer que apenas a Comissão de Finanças e Orçamento teria competência para tratar do assunto.

- Publicidade -

É evidente que qualquer vereador pode propor leis e que o plenário é soberano para aprovar ou não.

A Comissão de Justiça e Redação, composta por Gelson Rodrigues, Anderson dos Santos e Marcelo Achutti, emitiu parecer “verbal” contrário à proposta.

O parecer não detalha os motivos pelos quais Gelson Rodrigues e Anderson dos Santos, entendem que a proposta deve ser rejeitada. E omite o voto favorável do terceiro integrante da Comissão, e autor da proposta de reduzir os salários, Marcelo Achutti.

O que parece claro, é que os governistas não querem a redução dos salários.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -