- Publicidade -
- Publicidade -
14.6 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Prefeito disse que números de dengue começaram a cair, mas Balneário Camboriú tem ainda 2.378 casos da doença

Durante o Dia D de combate à dengue, no último sábado (13), o prefeito Fabrício Oliveira disse que os números da doença começam a baixar depois das medidas adotadas pela prefeitura de Balneário Camboriú, mas dados mostram que a situação segue preocupante: na última sexta-feira (12) a cidade possuía 2.312 casos da doença e nesta segunda-feira (15) os números aumentaram: são 2.378 casos, sendo 2.024 deles autóctones. Atualmente, há 198 casos positivos em investigação.

Balneário Camboriú é considerada 100% infestada pela dengue, com casos registrados em todos os bairros da cidade e vive uma epidemia da doença.  Segundo a OMS são necessários 300 casos autóctones da doença a cada 100 mil habitantes, e Balneário tem cerca de 150 mil habitantes e 2.024 autóctones, além de 149 indeterminados e sete importados. 

Segundo a Vigilância Epidemiológica, são 2.378 casos no total. Houve queda nos casos positivos em investigação: na sexta-feira eram 215 e nesta segunda-feira são 198. 

- Publicidade -
Divulgação/PMBC

Neste cenário, o principal ponto é a conscientização por parte da comunidade. A prefeitura tem trabalhado de forma intensiva em várias frentes. No Dia D, sábado, além de funcionários da prefeitura, houve adesão de membros de entidades e associações de moradores.

Na ocasião, o prefeito Fabrício Oliveira destacou que o Dia D significa uma chance de levar essa causa para a sociedade de Balneário Camboriú, quando também citou que os números começam a cair depois do ‘chamamento’ e das ‘medidas tomadas’. 

“Mas nenhuma medida é mais forte do que uma sociedade com a mesma voz”, disse.

O secretário de Saúde da cidade, Omar Tomalih pontuou os esforços recentes no combate à dengue: aumento da equipe da Vigilância Epidemiológica com os Fiscais de Posturas, abertura do Centro de Referência Municipal de Atendimento à Dengue, aquisição de mais de 10 mil testes rápidos, campanha de conscientização nas mídias e apoio da sociedade civil organizada. 

Sintomas de dengue

Os principais sintomas são dor de cabeça, dor nas articulações e atrás dos olhos, manchas vermelhas na pele, febre alta e cansaço. Se sentir um ou dois destes sintomas, deve procurar atendimento. 

Balneário Camboriú possui três unidades 24h de portas abertas à população que precise de atendimento urgente: PA da Barra (Rua Jardim da Saudade, nº 1500 – Bairro da Barra), UPA Nações (Rua Israel, nº 205 – Bairro das Nações) e Pronto Socorro do Hospital Ruth Cardoso (Rua Angelina, s/n – Bairros dos Municípios).

- Publicidade -

Moradores de Balneário Camboriú com o cadastro atualizado na Secretaria da Saúde, podem procurar atendimento no Centro de Referência de Atendimento à Dengue (Avenida Palestina, nº 150 – Nações) ou na Unidade Básica de Saúde mais próxima. 

Para fazer a denúncia de locais com suspeita de foco do mosquito, o morador deve entrar em contato com a Ouvidoria Municipal por meio dos números: (47) 3267-7024 e (47) 9 9982-1979 (WhatsApp) ou no 0800 644 3388.


Para receber notícias do Página 3 por whatsapp, acesse este link, clique aqui




- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -