- Publicidade -
17.7 C
Balneário Camboriú

Secretaria da Saúde oferece Programa de Planejamento Familiar para mulheres e homens de Balneário Camboriú

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

A Secretaria Municipal da Saúde está readequando o programa de Planejamento Familiar para mulheres e homens decidir sobre a quantidade de filhos que desejam e os métodos contraceptivos que podem dispor no serviço público.

A secretária da Saúde, Leila Crócomo disse que o programa é ofertado em Balneário Camboriú desde 2016, através do Núcleo de Atenção à Mulher (NAM).

“Hoje estamos readequando o programa de acordo com a diretrizes da Rede Cegonha, ofertando para as famílias a opção de fazer um planejamento familiar, escolher quantidade de filhos e o serviço é oferecido tanto para mulheres que queiram fazer laqueadura, como para homens que querem fazer vasectomia”, detalhou Leila.

Ela segue dizendo que o programa municipal segue todos os protocolos do Ministério da Saúde, que exige idade mínima de 25 anos, que já possuam dois ou mais filhos.

- Publicidade -

“É muito importante as mulheres terem essa consciência que podem escolher, optar por esse método seguro que é fazer a laqueadura ou colocando DIU, ou usando outros métodos contraceptivos”, destacou a secretária.

Leila explicou que as pessoas interessadas passam por uma avaliação da assistente social e principalmente da psicóloga, porque em muitos casos, eles estão casados, optam por não ter filhos ou mais filhos, depois separam e no novo relacionamento querem reverter a cirurgia.

“Por isso é feito uma avaliação psicológica para saber se é realmente isso que a pessoa quer naquele momento, não pode ser uma coisa mal resolvida, é uma decisão de família, do casal, mas também de mulheres, homens, que às vezes são pais solo, e eles também podem ter essa opção. Muitos homens têm procurado, inclusive solteiros acima de 30 anos, que optam por esta cirurgia”, disse. 

- Publicidade -

A secretária informou que hoje é um serviço disponível em todas as unidades básicas, que oferecem métodos contraceptivos. Em caso de cirurgia, é preciso passar por avaliação no NAM. As cirurgias são feitas no Hospital Ruth Cardoso.

Métodos contraceptivos

Em Balneário Camboriú, através do Sistema Único de Saúde (SUS), são ofertados métodos contraceptivos reversíveis, definitivos e cirúrgicos. 

Reversíveis: anticoncepcional oral, injetáveis (mensal ou trimestral) e a pílula do dia seguinte, que deve ser usada somente em casos excepcionais, como estupro, falha de outro método contraceptivo e atos sexuais desprotegidos; o dispositivo intra-uterino (DIU) com durabilidade de até 10 anos e acompanhamento anual, indicado para mulheres que não pretendem ter filhos por um longo período, inclusive, podendo ser usado por mulheres que nunca tiveram filhos. Também são oferecidos os preservativos femininos e masculinos, que são os únicos meios de prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s).

*Cirúrgicos: (para pessoas que não desejam mais ter filhos) –  Vasectomia para homens, que consiste na interrupção dos ductos diferentes impedindo a passagem dos espermatozoides; *Laqueadura para mulheres, que é a interrupção da tuba uterina, impedindo a passagem dos óvulos; 

*Laqueadura intraparto, realizada no momento da cesariana. 

Os métodos cirúrgicos estão disponíveis apenas para pessoas acima de 25 anos ou que já possuem dois filhos. 

A contracepção é eficaz para diminuir o número de gravidez na adolescência, evitar abortos, diminuir a mortalidade materna/fetal e garantir nascimentos planejados. 

A Lei Federal nº 9.263/1996 trata do planejamento familiar e orienta as ações preventivas e educativas na garantia ao acesso igualitário de informações, meios, métodos e técnicas disponíveis para regulação da fecundidade.

- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -