- Publicidade -
- Publicidade -
19 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Colegiado da Segurança da AMFRI discute convênios e possibilidade de ‘regionalização’ da segurança

Presidente do Colegiado diz que Balneário Camboriú é referência para os demais municípios

O Colegiado de Gestores Municipais de Segurança Pública da AMFRI (COGEMSP), criado em 2021, é um fórum permanente de debates sobre a segurança da região de Balneário Camboriú, que é considerada ‘referência’ para os outros municípios vizinhos nesse segmento. 

(Lyandra Machado Batista/Amfri)

O presidente é o Comandante da Guarda Municipal de Balneário, Douglas Ferraz, que conversou com o Página 3 sobre o andamento das discussões do Colegiado. Acompanhe.

Convênios e termos de cooperação técnica

- Publicidade -

Ferraz disse ao jornal que suas experiências com a Guarda Municipal de Balneário e o bom desempenho que ela vem tendo, sendo um exemplo para as cidades da região, o levaram à presidência do COGEMSP. 

“Ainda não discutimos operações a nível regional, e sim protocolos e aquisições de materiais. Através do Colegiado, buscamos convênios e termos de cooperação técnica. Para que, por exemplo, quando formos adquirir sistemas haja um compartilhamento de informações, tornando a região mais segura”, diz.

Balneário Camboriú é referência

O atual presidente do COGEMSP salienta que o grupo se reúne mensalmente – a próxima reunião está marcada para quarta-feira (6). Nos encontros são discutidas legislações municipais referentes à segurança e o que cada cidade pode se basear na outra para melhorar nesse sentido. 

“Vejo que Balneário é uma referência, sim. Levamos informações sobre materiais que adquirimos, sobre o cuidado com recursos que temos. Por exemplo, defendemos o aluguel de câmeras e viaturas. Já que esses equipamentos ficam defasados. Em Balneário, se um carro derruba um poste, em 24h a empresa contratada reestabelece o serviço, já se a câmera é do município, é a prefeitura que tem que ir atrás”, pontua.

Próxima reunião terá participação da PM

- Publicidade -

A última reunião do Colegiado aconteceu no dia 21 de junho, onde foi apontada a problemática em relação às ocorrências no atendimento de emergência na Central 190 da Polícia Militar. 

Cada município fará um ofício relatando a situação, e a AMFRI irá encaminhar todos juntos para o comando regional da Polícia Militar. 

O grupo solicitará a presença do Comandante Coronel Jofrey Santos da Silva, para participar da próxima reunião com o Colegiado para tratar deste tema e demais assuntos relacionados à segurança pública da região. 

- Publicidade -

“Acontece em Balneário e também nas cidades vizinhas a questão da pessoa ligar para o 190 em Balneário e cair em Itajaí, por exemplo. A Guarda Municipal também já passou por isso com o 153, e na última semana, com a chuva de granizo, a nossa rede foi danificada. Queremos saber se é problema da rede de telefonia ou se são adequações que precisamos fazer nos sistemas”, diz.

Futuro: unificação de tecnologias e troca de informações

Para o futuro próximo, Ferraz vê que o foco é unificar tecnologias, através da informatização, onde podem até mesmo compartilhar informações e assim unificar a segurança a nível regional. 

“Isso é muito importante, porque quem comete crime em Balneário, pode cometer em outra cidade. Às vezes rouba aqui e mora em outro município e vice-versa. Os estelionatários circulam também. Essa prática é muito comum, por isso é tão importante a troca de informações. Nos destacamos pela segurança, é o nosso diferencial, e estamos dividindo o nosso ‘know-how’ com os municípios vizinhos”, pontua.

- Publicidade -
spot_imgspot_img
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -