- Publicidade -
- Publicidade -
23.9 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Forças da segurança se preparam para 2º turno das eleições em Balneário Camboriú

O planejamento está mais focado para que comemorações e manifestações aconteçam de forma ordeira e democrática

O segundo turno das eleições é neste domingo (30) e os catarinenses irão votar para escolher governador do Estado (Jorginho Mello ou Décio Lima) e presidente (Jair Bolsonaro ou Luiz Inácio Lula da Silva). 

(Foto Renata Rutes)

A Polícia Militar e a Guarda Municipal de Balneário Camboriú já estão se preparando para fazer a segurança no dia. 

Eleição deve ser tranquila

Segundo o Comandante da Guarda Municipal, Douglas Ferraz, a expectativa é de que o processo eleitoral seja ‘tranquilo’, a exemplo de como foi o 1º turno e que estão com a mesma logística de trabalho, com distribuição de guardas municipais e policiais militares pela cidade. 

“Estamos alinhando como será o nosso posicionamento no pós-eleições, acreditamos que haverá volume de pessoas nas ruas e já estamos discutindo as estratégias que serão adotadas, para que as comemorações ou manifestações aconteçam de maneira ordeira e democrática”, disse.

- Publicidade -

Foco nas comemorações pós-eleição

O Comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário Camboriú, Tenente-Coronel Rafael Vicente, disse que a PM atua durante toda a semana focando na segurança das urnas, a exemplo do que aconteceu no 1º turno, e ainda garantindo a preservação da ordem pública e direito de manifestação das pessoas, bem como a garantia do voto dos eleitores. 

“Estaremos atuando em toda a cidade, e com viaturas fixas principalmente nos dois maiores colégios eleitorais, Univali e Colégio João Goulart, que são os pontos que atraem maior concentração de público. O 1º turno foi muito tranquilo, esse período que antecede também e, por isso, acreditamos que o domingo vai ser assim [tranquilo]. Passadas as eleições, teremos reforço no policiamento já no fim da tarde, pela questão das possíveis comemorações em pontos de Balneário Camboriú”, afirmou.

Crimes eleitorais devem ser denunciados ao 190 ou Justiça Eleitoral

Cel.Vicente salientou que as principais reclamações de fato foram as filas formadas nos colégios eleitorais, como no João Goulart e COC (local de justificativa de votos em Balneário), onde houve até filas de mais de 3h. 

“Mas no geral foi tranquilo. Estaremos acompanhando os Juízes Eleitorais e em caso de constatação de crime eleitoral, a pessoa pode ligar para o 190 ou procurar a Justiça Eleitoral, que estará fazendo rondas assim como nós. A pessoa [quem cometer o crime] é encaminhada para a Justiça Eleitoral, com plantão durante todo o dia da eleição”, acrescentou.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -