- Publicidade -
- Publicidade -
21.8 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Intensificação das operações de segurança em Balneário Camboriú foi pedido de moradores

As ações seguem acontecendo sem data para acabar

Diversas operações estão acontecendo em Balneário Camboriú, para atender aos pedidos dos moradores. As ações são coordenadas pela Polícia Militar e Guarda Municipal e vão seguir.

Segundo o secretário de Segurança de Balneário Camboriú, Antônio Gabriel Castanheira Júnior, as ações acontecem nos bairros e também no Centro, incluindo ainda o Pontal Norte, Barra Sul e região das praias agrestes.

Praia de Taquaras (Foto 12BPM/GMBC)

“Um exemplo é na região das praias. Recebemos demandas da comunidade sobre práticas sexuais em Taquaras, e estamos fazendo ações para coibir isso. Estamos fazendo barreiras na entrada das praias com frequência. Essas várias operações são incentivadas pelas reuniões ocorridas com presidentes de associações de moradores, e estamos trabalhando em cima das demandas repassadas diretamente pela comunidade”, conta.

Castanheira salienta que um balanço das operações será feito no fim deste mês e o resultado será divulgado – para ver se o plano da PM e GM surtiu efeito. 

“O nosso grande problema são os dependentes químicos, as pessoas em situação de rua, aumentou muito e isso aumenta a prática do crime – além da importunação para ganharem dinheiro, que não é crime, mas ficam na insistência, acaba criando constrangimento com a comunidade. Entendemos que neste momento a única coisa que podemos fazer é intensificar presença na rua”, informa.

- Publicidade -

O secretário aponta ainda que estão tentando identificar, através dos números do setor de inteligência, os locais em que as pessoas em situação de rua mais ficam e posicionando viaturas. 

“Eles ficam na Atlântica, no entorno da praça Almirante Tamandaré, perto do Mini Kalzone, na Atlântica com a Av. Alvin Bauer, por exemplo. Aumentamos nossa presença nesses locais e estamos trabalhando na demanda que o município tem, como também fiscalizando escapamentos”, destaca.

Bairro das Nações (Foto 12BPM/GMBC)

Ele citou que com o aumento do movimento na cidade, que acontecerá com a proximidade do verão, os problemas tendem a ficar mais ‘crônicos’ e se não conseguirem controlar agora pode piorar. 

“Por isso estamos trabalhando junto com a PM, no planejamento e combate à criminalidade”, completa.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -