- Publicidade -
- Publicidade -
22.8 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

PM de Balneário Camboriú auxilia em apreensão histórica de drogas em SC

Ao total, o ‘prejuízo’ dos traficantes foi de R$ 9 milhões

O 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário Camboriú participou de uma operação ocorrida na noite de quarta-feira (22), que flagrou um laboratório de drogas sintéticas (ecstasy e MDMA) em sítio no município de Imaruí, no sul de SC. A informação da Polícia Civil é de que a droga viria para Balneário Camboriú e região.

A apreensão é considerada histórica no Brasil

Segundo a Polícia Militar, a operação iniciou por conta de que havia suspeita de realização de festas rave clandestinas no limite entre os municípios de Paulo Lopes e Imaruí, no Sul de SC, passando Florianópolis.

A PM conseguiu acessar um sítio, que fica no Bairro Laranjal, em Imaruí, que era alvo de diversas denúncias de aglomerações, onde foi encontrada a ‘fábrica’ de drogas.

- Publicidade -

A Polícia Militar informou que um veículo Peugeot foi visto saindo do sítio e posteriormente retornando, momento em que o motorista foi abordado. No carro, policiais encontraram diversos sacos grandes de gelo, que seriam utilizados na fabricação da droga MDMA.

Em duas casas, foram encontradas pessoas ‘trabalhando’ na confecção das drogas.

Ao total, foram apreendidos mais de 230 mil comprimidos de ecstasy, material para a produção de mais dezenas de milhares de comprimidos, 66.520 micro pontos de LSD, aproximadamente 48kg de MDMA, insumos diversos e maquinário. A quantidade de droga apreendida, segundo a PM, poderia chegar em R$ 9 milhões [quando comercializada].

Quatro pessoas foram presas, entre elas um foragido da Justiça.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -