- Publicidade -
- Publicidade -
20 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

PM de Balneário Camboriú tem novo Comandante

Ele disse que está assumindo uma grande responsabilidade pela importância da região na economia e no turismo de SC

O Tenente-Coronel PM Rafael Vicente, de 39 anos, que atuava na Agência de Inteligência da PMSC, em Florianópolis e há alguns anos trabalhou em Itajaí e Navegantes, assumiu o comando do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário Camboriú, em solenidade realizada nesta quinta-feira (4), na sede do BPM. 

O Tenente-Coronel PM Daniel Nunes da Silva que esteve à frente do Batalhão por dois anos, deixou o cargo e atuará agora no Estado Maior Geral da PMSC, em Florianópolis, como chefe da sessão responsável de Doutrina Estratégica e Operacional da PMSC. 

- Publicidade -

A troca de comando reuniu autoridades, membros da sociedade civil organizada e moradores de Balneário Camboriú, em cerimônia realizada no 12ºBPM, que fica na Rua México, no Bairro das Nações. 

“É um batalhão que merece atenção”, diz novo Comandante

(Foto Renata Rutes)

O novo comandante, Tenente-Coronel Rafael Vicente, conversou com o Página 3 e disse que está assumindo uma grande responsabilidade, principalmente porque o batalhão é uma das ‘unidades de destaque’ da PMSC e porque Balneário Camboriú e Camboriú são cidades que possuem uma ‘participação muito ativa’ na economia de SC, assim como o fluxo de turistas que visitam a região é muito importante. 

“É um batalhão que merece a atenção, então a expectativa é de manter os resultados e cada vez mais aprimorar junto com a comunidade. Me voluntariei a assumir o 12ºBPM, é uma oportunidade única comandar um batalhão dessa envergadura e também uma grande responsabilidade. Será uma honra muito grande! Vim da área de Inteligência, Tática, de Operações Especiais (BOPE), então irei trabalhar junto com a rádio patrulha, que é o coração do batalhão, aquele policial que está junto com a comunidade, e também dando uma atenção especial para a Inteligência, para a parte de operações, a parte tática, no enfrentamento correto e a repressão qualificada ao crime”, disse.

Ex-Comandante destacou a matrícula do terreno do batalhão

Em discurso emocionado, o agora ex-Comandante Daniel Nunes se despediu de Balneário (Renata Rutes)

Em um discurso emocionado, o agora ex-Comandante da PM de Balneário, Daniel Nunes da Silva, agradeceu a cidade que o acolheu por dois anos e disse ter o sentimento de ‘missão cumprida’. Ele falou que a grande conquista que viu acontecer foi a matrícula do terreno onde fica o batalhão (relembre aqui), afirmando que isso se deu graças ao trabalho do prefeito Fabrício Oliveira e ao juiz Adilor Danieli. Daniel agradeceu ainda o suporte dos moradores e do prefeito da cidade vizinha, Camboriú, Elcio Kuhnen, que também compareceu no evento. 

Prefeito citou a importância do trabalho de policiais e guardas

Prefeito Fabrício destacou o trabalho das forças de segurança (Renata Rutes)

O prefeito Fabrício Oliveira disse que reconhece que a vida do policial não é fácil, mas que se ‘Balneário Camboriú é prestigiada e amada e reconhecidamente segura’ é graças ao trabalho de policiais e guardas municipais. 

“Porque temos homens e mulheres que saem na rua e colocam suas vidas para proteger os nossos moradores e turistas. O Tenente-Coronel Daniel sai com muitos amigos e prestígio. A nossa sociedade reconhece o valor dele”, afirmou.

Comandante Geral destacou currículo do novo Comandante

Comandante Geral da PMSC também participou do evento (Renata Rutes)
- Publicidade -

O evento também contou com a presença do Comandante Geral da PMSC, Marcelo Pontes, que saudou os ex-Comandantes do 12ºBPM presentes, bem como o Comando da 3ª Região de Polícia Militar (RPM), da qual Balneário faz parte, Coronel Jofrey Santos Silva. 

“Agradeço também a tropa do 12ºBPM, que são verdadeiros heróis e vêm realizando um excelente trabalho. O Tenente-Coronel Daniel nos orgulhou, pelo seu amor pela causa da Polícia Militar, com empenho, dedicação, proatividade e legado que deixa, em uma gestão exitosa; e agora irá nos ajudar em Florianópolis, no Estado Maior Geral da PMSC. O agora Comandante do 12ºBPM, Tenente-Coronel Vicente, se voluntariou a assumir o batalhão, conheço o trabalho de estratégia e inteligência dele, que tem passagem pelo BOPE, sempre demonstrou ser operacional, estratégico e próximo da tropa. Não temos dúvida de que ele fará um excelente trabalho, focado em resultados, e com bom relacionamento com as demais forças de segurança”, disse. Ele lembrou que SC tem a melhor segurança pública do país, que o 12ºBPM é a ‘extensão desse trabalho’, e que a responsabilidade do novo comando é manter isso.


Opiniões: envolvidos com a segurança de Balneário opinam sobre troca do comando

“Uma boa integração”

(Foto Renata Rutes)

Antônio Gabriel Castanheira Junior, secretário de Segurança de Balneário Camboriú

“A troca de Comando faz parte do estágio da Polícia Militar, os comandantes ficam dois anos e depois assumem outra posição, é o sistema dentro da Polícia Militar. Eu vejo com bons olhos, mas sinto a saída do Comandante Daniel Nunes, porque tínhamos uma parceria, uma excelente integração, além de amizade. Mas acredito que o novo Comandante também vai vir para continuar o mesmo tipo de trabalho que a gente estava fazendo. Ele é Caveira (BOPE) também, como o Daniel e eu, e é uma irmandade. Sobre os desafios que devemos enfrentar – o crime em Balneário é um crime menor, não temos grandes violências dentro de Balneário Camboriú; o que exige é ter uma boa integração para, em algumas operações, estarmos bem unidos, e em outras [operações] eles vão fazer de maneira independente e nós também, mas sempre se conversando e trocando informações para a cidade ter o melhor”.


Trabalho da GM e PM colocou Balneário como uma das cidades mais seguras do país

(Foto Renata Rutes)

Douglas Ferraz, Comandante da Guarda Municipal de Balneário Camboriú

“Entendemos a importância e a necessidade das mudanças organizacionais, mas destaco a notória passagem do Comandante Daniel Nunes, que nestes dois anos enfrentou um momento pandêmico e inédito, demonstrou uma capacidade estratégica e cooperativa irretocável. Desenvolvemos trabalhos conjuntos que colocaram a nossa cidade entre uma das mais seguras do país. Estou certo do sucesso que terá em sua nova missão. E desejo ao novo Comandante, Rafael Vicente, muitas vitórias frente ao 12º Batalhão”.


“Acredito que o principal desafio que ele terá é o micro-crime”

(Foto Renata Rutes)

Valdir de Andrade, advogado e presidente do Conselho Comunitário de Segurança de Balneário Camboriú (Conseg BC)

“O comando do Coronel Daniel Nunes deixou uma marca, ele sai com recordes de apreensões de drogas, recuperações de veículos, cumprimento de mandados de prisão, diminuição de homicídios, o menor índice em 14 anos… tivemos duas temporadas de verão excepcionais, sem nenhum homicídio! Esperamos muito do Coronel Rafael Vicente, queremos conversar com ele, para nos colocar à disposição, como parceiros. Sempre digo que aqui não é lugar para qualquer um, é preciso desígnio, mas ele parece ser muito bom! Chegar a Tenente-Coronel com 39 anos não é para qualquer um. Falta um grau para terminar a carreira militar, considerando as patentes. Ainda não o conheço, mas esperamos muito dele e que deixe a sua marca, como todos que passaram deixaram. Acredito que o principal desafio que ele terá é o micro-crime – moradores de rua, meliantes, delinquentes transvestidos de moradores de rua, micro-tráfico e furtos… ouvimos recentemente o Ministro Barroso dizer em um Congresso que o micro-traficante não tem que ficar preso, e isso é um absurdo! Já vivemos na sensação da impunidade, e uma vitória foi nesta semana o fim das saídas temporárias. Esperamos seguir avançando, assim como a integração das forças de segurança em Balneário”.

- Publicidade -
spot_imgspot_img
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -