- Publicidade -
- Publicidade -
24.4 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Polícia prende suspeitos de terem cometido extorsão mediante sequestro, em Balneário Camboriú

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, prendeu nesta terça-feira (8) dois homens por crime de extorsão mediante sequestro. Um terceiro homem foi detido em flagrante em maio.

Prisões

Segundo a DIC, no dia 31 de maio deste ano, o responsável por manter a vítima em cativeiro foi preso em flagrante e a vítima foi libertada pelos policiais. Os suspeitos dos outros dois mandados cumpridos nesta terça-feira foram encaminhados ao Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí, que fica no Bairro Canhanduba.

Investigações: entenda o caso

Os policiais apuraram até o momento que dois empresários de Balneário Camboriú contrataram a suposta vítima para atuar como trader esportivo. Eles teriam entregado para a vítima aproximadamente R$ 2 milhões em criptomoedas, para a realização de apostas em plataformas digitais (sites de apostas esportivas). A vítima teria perdido quase a totalidade desse valor (há suspeita também de que ela poderia ter desviado o dinheiro para contas de terceiros).

- Publicidade -

Com o objetivo de reaver o valor, os empresários supostamente agrediram, ameaçaram (inclusive com uso de uma pistola) e ‘sequestraram’ a vítima, que teria ficado detida em um apartamento, devidamente vigiada. Os suspeitos planejavam mantê-la presa até a quitação da dívida, utilizando de violência física e psicológica, inclusive teriam feito o trader esportivo escrever uma carta de despedida, com o objetivo de simular uma possível morte.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -