- Publicidade -
- Publicidade -
26 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Carol Seubert será a primeira DJ catarinense a se apresentar no Lollapalooza

Carol Seubert, de Blumenau, bastante conhecida em Balneário Camboriú, será a primeira DJ catarinense a subir no palco do festival Lollapalooza, em março, em São Paulo. Aos 23 anos e com cinco anos de carreira, a DJ e produtora já passou pelos melhores festivais do Brasil e tocou em países como China, Croácia, Itália, Costa Rica, México e República Dominicana.

(Divulgação)

Aos oito anos, quando brincava de baixar e aumentar o som do carro – que sempre tocava um som eletrônico durante as viagens para o litoral com os pais, Carol Seubert nem sonhava que se tornaria a primeira DJ mulher catarinense a subir no palco do Lollapalooza, festival que ela conheceu ainda em 2017, quando desistiu do Miss Blumenau para ir ao evento. 

Agora, ela retorna para se apresentar no palco. 

- Publicidade -

“Estou super ansiosa. Desde o ano passado, venho fazendo todo o trabalho de criação do show, de identidade do telão, iluminação, efeito e trabalhando nas músicas. A ideia é fazer um set bastante autoral, com músicas próprias ou em colaboração com outros artistas. Também vou abrir espaço para uma cantora brasileira se apresentar comigo no show. Lancei essa ideia no Instagram e estão vindo muitos nomes legais. Acho que vai ser incrível”, comenta. 

Em março, no dia 26, a DJ catarinense se apresentará na última noite do Lollapalooza Brasil, ao lado de nomes como Drake, Rosalía, Armin van Buuren, Alison Wonderland, Tove Lo, Aurora, L7NNON, The Rose, Cigarettes After Sex, Rashid, entre outros artistas nacionais e internacionais. 

Para Carol, fazer parte do line-up de um festival como o Lolla é mais do que um sonho. 

“Eu lembro de assistir ao show da Ellie Goulding pela TV em 2014 e sonhava em simplesmente estar na plateia do festival. Agora eu vou estar lá, só que tocando ao lado de nomes como o Drake… Imagina!”, conta orgulhosa.

Com sets dinâmicos e envolventes, misturando lançamentos autorais com hits que não deixam ninguém parado na pista, Carol é apontada como um dos nomes mais promissores da cena eletrônica atual, em 2019, foi nomeada a representante brasileira pela revista DJane Mag BR, realizando um show na cidade de Chengdu, na China, para 2 mil pessoas. 

Em 2021, lançou a “Booty Down”, primeira collab de mulheres pela label Mix Feed, rompendo barreiras e ajudando a levantar a bandeira da representatividade feminina no Brasil.

Além de ter passado pelos principais festivais eletrônicos e festas do Brasil, já tocou para grandes marcas como Cartier, Louis Vuitton e Calvin Klein. 

- Publicidade -

Na região de Balneário, é presença frequente em clubes badalados como Green Valley, em Camboriú, e também no Jurerê Internacional, em Florianópolis. 

Em abril, também lançará o seu primeiro EP, pela gravadora This Aint Bristol. Entre os trabalhos futuros está ainda uma temporada em Ibiza, na Espanha, em agosto.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -