- Publicidade -
- Publicidade -
23.2 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Espetáculo inédito “Dançando por Balneário Camboriú” leva arte para palcos de visitação turística

Coreografias foram adaptadas para 20 pontos de destaque

“Queremos mostrar toda a beleza que existe em Balneário Camboriú através deste olhar artístico e sensível que a dança nos proporciona. Está imperdível”. Este é o convite da coreógrafa e diretora do Studio Adriana Alcântara para a população assistir o espetáculo virtual ‘Dançando por Balneário Camboriú‘, que terá transmissão online e gratuita, no próximo dia 17 de julho.

(Foto @dallanoras)

O link do espetáculo será disponibilizado no site e redes sociais do Studio além do Instagram: @studioadrianaalcantara

Apaixonada por natureza e adepta de práticas como trilhas, stand up, entre outras, Adriana queria fazer algo ‘diferente’, já que espetáculos presenciais ainda não são seguros por causa da pandemia.

- Publicidade -

Foi em um passeio de stand up até a Ilha das Cabras e de lá olhando a cidade, é que as primeiras ideias começaram a surgir. Ali mesmo mapeou vários pontos de destaque na cidade para se transformarem em palcos. Consultou os professores e bailarinos da escola e todos gostaram e as ideias multiplicaram. O plano foi colocado em prática com temáticas diversificadas. Todas as coreografias foram adaptadas aos locais de gravação. 

As gravações começaram no fim de junho e tem previsão de terminar até nesta semana. O material será então editado e transmitido ao público de forma totalmente inédita, virtual e gratuita. 

Entre as diversas modalidades representadas estão: o jazz, ballet clássico, dança de rua, dança do ventre, dança contemporânea e dança de salão. Tudo contou com a participação dos alunos do Studio e o Grupo de Dança Adriana Alcântara; conhecido na região pelos diversos prêmios conquistados em eventos artísticos de nível nacional e internacional.

“Estamos sempre levando o nome da nossa cidade e divulgando a nossa arte pelos palcos a fora. Essa é também uma oportunidade de mostrar que a arte pode estar em qualquer lugar, que não se limita apenas aos palcos, mas que faz parte do nosso cotidiano. Pois, estamos sempre em movimento e nos adaptando aos diferentes locais e situações que norteiam a nossa vida” conta Adriana.

“Tantas vezes eles pararam para ver o movimento da cidade…Dessa vez é a cidade que vai parar para ver uma série de movimentos harmoniosos, construídos e desconstruídos… em cenários tão belos que naturalmente já são um presente aos nossos olhos”, resumiu.

Palcos de dança

(Foto @dallanoras)

Entre os locais escolhidos como palco deste projeto, estão: a Ilha das Cabras, Praia Central, Passarela Estaiada da Barra Manuel Fermino da Rocha, Praça da Barra, Capela de Santo Amaro, na Barra, Parque Ecológico Raimundo Malta, Teatro Municipal Bruno Nitz, Barra Multieventos Hamilton Linhares Cruz, ZOO  – Complexo Ambiental Cyro Gevaerd, Beco do Brooklyn, Praça da Cultura, Praça Almirante Tamandaré, Praia de Taquarinhas, Praça Higino João Pio, Biblioteca Pública Municipal Machado de Assis, Cristo Luz, Tedesco Marina, Parque Unipraias Camboriú, Pista de Skate Barra Sul, Calçadão da Central, Molhe Barra Sul, Molhe Barra Norte, Complexo Turístico do Morro do Careca, Praia do Coco, Deck do Pontal Norte e Heliponto da Procave Emprendimentos.

Adriana e sua equipe agradecem o apoio que receberam para tornar realidade o projeto: Prefeitura Municipal de Balneário Camboriú, através Fundação Cultural, Fundação Municipal de Esportes, Secretaria de Turismo, Secretaria do Meio Ambiente, Procave, Tedesco Marina, Atracadouro Barra Sul, Parque Unipraias, Cristo Luz, Zoo Complexo Ambiental Cyro Gevaerd.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -