- Publicidade -
- Publicidade -
17.1 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Univali recebe exposição da artista catarinense Nara Guichon

A mostra “Os arquipélagos de Nara Guichon”, que apresenta obras têxteis construídas a partir da ressignificação de objetos descartados, como redes de pesca, sobras de tecidos da indústria têxtil e peças do vestuário, inaugura na Univali, nesta quarta-feira (24), às 18h. Logo depois, haverá uma roda de conversa com a autora. 

A programação contempla uma atividade de plantio de mudas nesta terça (23), às 16h30, e uma oficina de ecoprint (técnica de estamparia que faz uso de plantas), no dia 24, das 9h às 11h.

Todas as atividades, realizadas na Univali, são gratuitas e chegam à comunidade por intermédio de recursos da Lei Paulo Gustavo – LPG (edital LPG SC/2023).

- Publicidade -
Fotografia mostra as mãos de uma pessoa estendendo um rolo de tecido contendo restos de vegetais (Foto Renata Gordo)

A exposição ficará na Galeria de Arte da Univali/Itajaí até 22 de maio.

Saiba mais

As obras expostas foram selecionadas pela crítica e historiadora da arte, Paula Ramos, que é professora do Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). 

A visitação do público acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e 13h30 às 21h, na Galeria de Arte Univali, situada em espaço anexo à reitoria, no campus Itajaí.

Durante a abertura da exposição na Univali, a artista Nara e a curadora Paula farão uma conversa sobre o projeto, processo criativo da artista e sua relevância no contexto contemporâneo. Na oportunidade, também será exibido o vídeo, em formato de documentário produzido por Renata Gordo, que demonstra as várias etapas relacionadas ao processo ecológico e artístico de Nara.

A mostra já percorreu as cidades de Laguna, Blumenau e Chapecó, na ocasião, com atividades financiadas pelo Prêmio Elisabete Anderle (2021).

Atividades complementares

No dia 24 pela manhã, Nara ministrará a oficina de ecoprint em papel, também conhecida como impressão botânica. A proposta é fazer poesia em papel ao imprimir texturas e cores da natureza utilizando um método simples, limpo e ecológico, fazendo uso de folhas, flores, raízes e cascas de plantas.

A atividade oferece 20 vagas, que serão preenchidas por ordem de inscrição. Para participar, os interessados precisam enviar nome completo e telefone para o e-mail [email protected].

- Publicidade -

Sobre a artista

Nara Guichon é artista visual e desenvolve um trabalho utilizando elementos vegetais e minerais em formas têxteis, em processos tradicionais que são a sua marca. Com reconhecimento nacional e internacional, sua obra foi digna do Prêmio Aldir Blanc, conferido pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC), dentre muitos outros.

Nara mora no Sul da Ilha de Santa Catarina, área conhecida pela atividade pesqueira tradicional. Em 1998, ao ver o lixo que chegava à praia e as centenas de redes de pesca de poliamida abandonadas como entulho, junto ao mar, a artista resolveu se apropriar desses materiais e oferecer-lhe novos usos.

Fonte: Assessoria Comunicação/Univali

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -