- Publicidade -
21.7 C
Balneário Camboriú

A noção de liberdade

A Broadway volta a estrear seus espetáculos após uma parada covid, que provocou muito desemprego e desânimo por parte de um elenco que sobrevivia da arte.

Na China, a empresa Evergrande apresentou dívida de bilhões de dólares e ameaça nova crise econômica mundial.

Assim, me parece que as coisas estão voltando ao normal, depois de 18 meses de um pit stop pandêmico. Incluo também o retorno das mulheres Afegãs à falta de voz e lugar em seu país, tomado pelo Talibã, além de muita gente morrendo sem vacina pelo planeta azul.

Por outro lado, há comportamentos que se atualizaram com velocidade 5G. A cerimônia do 73º Emmy, consolidou o streaming como maior força da TV americana. Dessa forma, como poderemos retornar a antiga maré dos telões no cinema, e imaginar a compra de um ingresso, para comer pipoca com o vizinho de cadeira?

As pessoas tentam seguir em frente, algumas com mais doses de vacina, outras mais abastadas, vão para a fila do ônibus de turismo no espaço.

São as novidades de 2021, que bate recordes nos cemitérios. Lamento se não tem lugar para você nesse novo mundo, porque ficou à espreita do que seria mais simples viver, como um abrir de janelas somente, ao invés de reagir e colaborar com aquele cuja mão se mantém estendida.

Faz tempo que meu aperto de mão é um soco no outro, nunca desferi tantos, e quanto mais gosto da pessoa mais forte é o tranco.

Beijos no rosto passaram a ser coisa de inglês, melhor não tentar, tenho direito somente a um toque de cotovelos. Vivemos um embaralhado cronológico, e as discussões até aqui ainda são em qual calçada posso andar.

Certos instrumentos de força não mudaram, como a máscara de folha-de-flanders, utilizada na cabeça dos escravos, para lhes fazer perderem o vício da embriaguez.

Hoje, o vício está nas horas dedicadas às redes sociais, mas qual máscara poderá nos render desse dedilhar desenfreado solitário?

Nessas horas é que vejo que não consigo escapar do meu fantasma, talvez seja apenas uma sombra, mas caso ela se mova em outra direção, também essa me abandonou.

Por vezes me pego saudoso de meu útero preferido, que me dava tudo que eu precisava. Freddie Mercury cantou em Mother Love, mãe me leve para dentro novamente, para que eu possa começar tudo de novo, e quem sabe da próxima vez com mais calma.

Talvez poderia ser de uma maneira moderna, como se diz na Alemanha “Merkeln”, (algo como “Merkelizar”), verbo alemão em homenagem à Primeira Ministra Angela Merkel. Que significa manter a calma, recolher informações, ponderar, evitar conflitos, e adiar decisões até quando for possível.

Como um músico que veste a melodia ao tocar sua gaita ponto, com muita temperança e sedução, e não apenas um apertar de botões sonoros na construção de uma melodia.

Mas, como é a vontade que faz o pecado, e não o corpo, somos livres para decidir estragar nossas vidas. A noção de liberdade, como disse Maquiavel, faz com que o homem tenha que conhecer sua capacidade, para poder agir melhor, e não ficar esperando que um milagre aconteça para resolver seus problemas.

- Publicidade -
Raul Tartarotti
Engenheiro Biomédico e cronista.
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -