Chef dá dicas especiais para a Páscoa, com opções para quem quer economizar

Moqueca é boa opção para a Sexta-feira Santa (Foto Unilever Food Solutions)

- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -
- Publicidade -

A Páscoa é um momento especial para reunir a família, caprichar no cardápio, mas em tempos de crise econômica é necessário pesquisar preços (há promoções em peixarias e mercados de Balneário, saiba mais aqui).

A chef Tânia (Arquivo Pessoal)

Há ingredientes que estão muito caros e podem ser substituídos. A chef de cozinha e professora do curso de Gastronomia da UniAvan, Tânia Regina Deretti compartilhou algumas dicas e receitas e aconselha que sempre é preciso pesquisar antes de comprar. Acompanhe.

Peixe fresco ou congelado: dica é pesquisar 

- Publicidade -

Quando o assunto é peixe e frutos do mar, a chef lembra que na hora de escolher os ingredientes também é preciso atenção: no caso dos peixes, é necessário se atentar se as guelras estão bem vermelhas e se os olhos indicam que o peixe é fresco. 

Além disso para economizar o ideal é pesquisar os preços, tanto nas peixarias quanto supermercados, onde há opções de peixes congelados. 

“Se for comprar o congelado, é importante observar a data de validade. Mas quem pesquisa, encontra o melhor preço. Todos os peixes são bons, varia de acordo com o gosto de cada pessoa, mas existem muitas espécies acessíveis, que juntam o custo com o benefício. O clássico é o bacalhau, mas existem muitas opções de pescados e frutos do mar para a Semana Santa”, comenta.

Opções de receitas

Tânia sugere que os leitores pensem na receita de Páscoa de forma antecipada, para assim conseguirem se preparar melhor com os ingredientes.

“Uma boa opção é a moqueca, que pode contemplar tanto peixes quanto frutos do mar, usando ingredientes acessíveis como tomate, pimentão, cebola, leite de coco e azeite de dendê. Fica um sabor muito gostoso. É possível fazer também peixe assado no forno com legumes ou frito, que traz a crocância”, diz.

Para acompanhar, a chef sugere molhos que podem ser feitos com base no gosto das famílias, com manjericão, mostarda, mel e até mesmo vinagrete.

Risoto de camarão é uma das dicas da chef (Foto Receitaria)

“Dá para fazer mais agridoces também. E outra opção é massa ou risoto, com peixe ou camarão, utilizando ervas do gosto de cada um, bastante azeite… os ingredientes se juntam e fica um sabor muito bom. No caso dos risotos, o peixe ou fruto do mar deve ir no final, já selado/pré-cozido, nunca cru”, acrescenta.

- Publicidade -

Para quem gosta de salada para acompanhar a refeição, Tânia pontua que também é possível utilizar frutos do mar. 

“Lavar as folhas verdes e acrescentar os frutos do mar. Pode ser peixe, mariscos, lulas, camarões, o próprio polvo… fica uma salada leve e com proteína agregada”, pontua.

Sobremesa: chocolate em destaque

O ovo de Páscoa é o clássico e a chef salienta que ele pode ser compartilhado, para assim as famílias conseguirem economizar mais.

Ovo é o destaque e entra como sobremesa (Armazém das Trufas)

“Dá para servir também frutas quentes, como maçã, pera, uva, o próprio abacaxi assado, frito ou caramelizado. Você pode derreter o chocolate ou raspar por cima. Há muitas receitas com chocolate, e o ovo é o clássico, dá para comprar um grande e dividir, finalizando a refeição com chave de ouro”, completa.

- Publicidade -
spot_imgspot_img
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
%d blogueiros gostam disto: