- Publicidade -
19.4 C
Balneário Camboriú

Companhia de Dança de Balneário conquistou 18 prêmios no Festival Internacional de Dança da Amazônia

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

A Companhia de Dança Lise François (Prima Ballerina) voltou para Balneário Camboriú com 18 prêmios que o grupo de bailarinos conquistou no Festival Internacional de Dança da Amazônia (FIDA), que encerrou na terça-feira (26). Dois dos bailarinos foram premiados com um curso de dança que acontecerá na Itália, em 2022.

Abílio em cena: ganhou curso na Itália (Divulgação/Prima Ballerina)

A professora responsável, Liselene François (Lise) comemora todos os prêmios conquistados, e conta que o grupo foi considerado um destaque no FIDA. 

“Sobre melhor grupo infanto juvenil, conquistamos o prêmio com a coreografia Controle, de danças urbanas, coreografia de Alex Araújo. Venceram pela maior nota na categoria infanto juvenil, prêmio de R$400,00, que será investido no grupo de bailarinos. A coreografia mais comentada no Instagram, no FIDA online, foi a nossa, O Pequeno Príncipe e as Rosas, onde também conquistamos prêmio em dinheiro”, avaliou.

Lise disse que voltar para casa com todos esses prêmios significa que o trabalho feito está correto e deve continuar.

- Publicidade -

“É a recompensa por todo o cansaço, os ensaios até nos sábados. Foi uma experiência incrível, eles têm uma cultura muito diferente da nossa, eu sou artista plástica e fiquei encantada com a Catedral Metropolitana, toda a arquitetura de lá. Para os alunos também foi uma lição de empatia, porque tivemos coreografias que não foram premiadas e os que eram premiados tiveram a empatia de não comemorar para não magoar os que não foram premiados”, diz.

Curso na Itália

(Divulgação/Prima Ballerina)

Dois alunos da Cia de Dança, Abílio Guimarães Mascarello e Julie Freire Amorim, receberam uma bolsa para um curso de verão que acontecerá em Siena, na Itália, de 7 a 17 de julho/2022. 

Julie também ganhou curso no exterior (Foto Divulgação/Prima Ballerina)

“A bolsa, nos dois formatos, paga as despesas referente às aulas, vamos ter de buscar os recursos para as despesas aéreas, hospedagem e alimentação. Os dois vão e irei acompanhá-los. O Abílio também ganhou a bolsa para curso de aperfeiçoamento, para ingressar na escola como bailarino, por um ano. Ele gostaria de ir, mas é muito jovem, tem somente 14 anos. Irão os dois para o Summer. Estamos muito felizes, é bom ver o reconhecimento de nosso trabalho”, conta.

Prêmios conquistados 

- Publicidade -

1º lugar – Danças urbanas conjunto

1º lugar – Solo danças urbanas

1º lugar – Solo dança do ventre

1º lugar – Duo de repertório clássico

2º lugar – Jazz conjunto

2º lugar – Variação clássica de repertório

2º lugar – Ballet clássico livre conjunto

3º lugar – Sapateado solo

3º lugar – Sapateado duo

3º lugar – Trio de sapateado

3º lugar – Pas de deux de repertório

3º lugar – Clássico livre solo

3º lugar – Clássico livre duo

O grupo também conquistou os títulos de:

Melhor grupo infantojuvenil

Coreografia mais comentada online

Isenção de 100% nas taxas de inscrição para o Festival Internacional Onça Pintada, que acontecerá em Mato Grosso, em 2022.

Prêmio de incentivo à dança, concedido à Lise, na forma de curso de metodologia da dança, na Escola Dançarte, em Goiânia, de Gisella Vaz.

Curso de ballet clássico, concedido à Lise, por André Malosá, em SP.

Prêmio da Lei de Incentivo à Cultura

Dois alunos conquistaram o curso de dança na Itália, que será em 2022.

- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -